Ir para o conteúdo

Correio do Brasil

Voltar a CdB
Tela cheia Sugerir um artigo

Alerj convoca suplentes de parlamentares presos

25 de Março de 2019, 13:52 , por Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 133 vezes

Os suplentes são Carlo Caiado (DEM), Sérgio Fernandes (PDT), Capitão Nelson (Avante), Sergio Loubak (PSC) e Coronel Jairo (SD). Como o Coronel Jairo também está preso, ele não deverá assumir a vaga.

Por Redação, com ABr – do Rio de Janeiro

Depois de a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) decidido empossar, na semana passada, cinco deputados que estão presos, os suplentes foram convocados nesta segunda-feira para tomar posse amanhã na Casa. Como os titulares foram empossados, os suplentes não assumirão os cargos como titulares.

Alerj convoca suplentes de parlamentares presos no Rio

Os suplentes são Carlo Caiado (DEM), Sérgio Fernandes (PDT), Capitão Nelson (Avante), Sergio Loubak (PSC) e Coronel Jairo (SD). Como o Coronel Jairo também está preso, ele não deverá assumir a vaga.

A Alerj, no entanto, ainda não confirmou como fica a situação do Coronel Jairo: se ele também tomará posse na prisão ou se o segundo suplente da coligação SD-PTB, Bagueira, será convocado.

Os deputados titulares André Corrêa (DEM), Luiz Martins (PDT), Marcus Abrahão (Avante), Marcus Vinicius Neskau (PTB), detidos no complexo penitenciário de Gericinó (Bangu) e Chiquinho da Mangueira (PSC), que está em prisão domiciliar, foram presos na Operação Furna da Onça, acusados de participar de um esquema de propinas supostamente comandando pelo ex-governador Sérgio Cabral.

Eles não tomaram posse, com os outros parlamentares no dia 1º de fevereiro, porque não conseguiram autorização para deixar a prisão. Mas, por decisão da Mesa Diretora, no último dia 21, o livro de posse foi levado até os parlamentares presos, para que eles pudessem garantir seus mandatos.

Traficante de armas

Disfarçado de pastor evangélico, o foragido da Justiça do Espírito Santo Tiago Cosme de Souza permanecia preso, no sábado, após identificado pela polícia, na noite passada, em um dos acessos à Favela da Chatuba, no Complexo do Alemão. Autodenominado ‘Profeta Menor, Príncipe das Revelações’, o bandido não reagiu ao ser abordado por policiais militares.

O falso pastor mantinha até um canal no Youtube, no qual apresenta o que chama de “revelações de Deus” durante cultos realizados na comunidade. Ele se propunha a adivinhar números de WhatsApp, placas de carro e nomes de parentes de fiéis.

Armas e munições

Tiago disse aos policiais, ao ser preso, que era um pastor evangélico e informou um outro nome que não o seu. Disse se chamar Fabricio Alves Sonegheti. Ele foi conduzido para a 22ª DP (Penha), onde os agentes da Polícia Civil desconfiaram da versão e trocaram informações com as polícias Civil e Rodoviária Federal do Espírito Santo.

Em algumas horas, os agentes da 22ª DP descobriram o nome verdadeiro do fugitivo e constataram que havia um mandado de prisão pendente. O preso tem várias passagens pela polícia por tráfico de armas e munições no Estado vizinho.


Fonte: https://www.correiodobrasil.com.br/alerj-convoca-suplentes-parlamentares-presos/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias