Ir para o conteúdo

Correio do Brasil

Voltar a CdB
Tela cheia Sugerir um artigo

Angelique Kerber assume vice-liderança do ranking da WTA

22 de Outubro de 2018, 14:38 , por Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 32 vezes

Wozniacki perdeu 1,4 mil pontos em relação à semana passada e tem agora 5.086, enquanto Kerber soma 5.375. A líder é a romena Simona Halep, com 6.921.

Por Redação, com EFE – de Londres

Depois de terem sido descontados os pontos do WTA Finals do ano passado, a alemã Angelique Kerber assumiu a vice-liderança do ranking mundial nesta segunda-feira, deixando para trás a dinamarquesa Caroline Wozniacki, campeã do torneio no ano passado e agora terceira colocada da lista.

A tenista alemã Angelique Kerber

Wozniacki perdeu 1,4 mil pontos em relação à semana passada e tem agora 5.086, enquanto Kerber soma 5.375. A líder é a romena Simona Halep, com 6.921.

Ainda no top 10, a tcheca Petra Kvitova e a americana Sloane Stephens ganharam duas posições cada e vêm em quinto e sexto lugares, respectivamente. A ucraniana Elina Svitolina caiu para sétima, e a também tcheca Karolina Plikova, para oitava.

Já a russa Daria Kasatkina chegou à melhor colocação do ranking na carreira, em décimo lugar, depois de ter sido campeã do WTA Premier de Moscou.

Isner

Derrotado pelo letão Ernests Gulbis nas semifinais do ATP 250 de Estocolmo (Suécia), o americano John Isner assumiu nesta segunda-feira a nona colocação do ranking mundial, deixando o búlgaro Grigor Dimitrov em décimo lugar.

O norte-americano tem agora 3.380 pontos, 45 a mais que Dimitrov, que não entrou em quadra na última semana. A liderança continua nas mãos do espanhol Rafael Nadal, com 215 pontos de diferença para o segundo colocado, o sérvio Novak Djokovic.

Gulbis, algoz de Isner, deu um salto na lista e assumiu a 104ª colocação, enquanto o campeão de Estocolmo, o grego Stefanos Tsitsipas, se manteve em 16º lugar.

Os outros dois tenistas campeões do fim de semana, o britânico Kyle Edmund (Antuérpia) e Karen Khachanov (Moscou), subiram para a 14ª e a 19ª colocações, respectivamente.

Marc Márquez é campeão mundial de MotoGP

O espanhol Marc Márquez (Repsol) venceu o Grande Prêmio do Japão de MotoGP disputado no domingo no circuito “Twin Ring” de Motegi e com isso se proclamou campeão do mundo pela sétima vez e quinta na categoria de MotoGP.

Para isso, o erro de Andrea Dovizioso (Ducati Desmosedici) ajudou bastante, fruto da pressão à qual lhe submeteu o espanhol. Na penúltima volta o italiano caiu e entregou de bandeja o título a Márquez.

Junto com Márquez completaram o pódio o britânico Cal Crutchlow e o espanhol Alex Rins.

Márquez conquista seu quinto título mundial de MotoGP com 25 anos e 246 dias de vida, o que o transforma no mais jovem da história a alcançar esse feito.

Desde que em 2008 começou a disputar o mundial de motovelocidade conseguiu sete títulos, além de bater quase todos os recordes de precocidade existentes.

O piloto da Repsol já supera em dois títulos mundiais o também espanhol Jorge Lorenzo: um de 125 c.c. (2010), outro de Moto2 (2012) e cinco de MotoGP (2013, 2014, 2016, 2017 e 2018).


Fonte: https://www.correiodobrasil.com.br/angelique-kerber-assume-vice-lideranca-ranking-wta/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias