Ir para o conteúdo

Correio do Brasil

Voltar a CdB
Tela cheia Sugerir um artigo

Bombardeio no norte da Síria deixa mortos e feridos

12 de Março de 2018, 13:55 , por Jornal Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 11 vezes

O bombardeio aconteceu em Tiftinaz e causou a morte de quatro pessoas, sendo dois menores de idade, destacou a ONG. Além disso, foram registrados outros dois ataques em regiões próximas, mas que não tiveram detalhes revelados

Por Redação, com EFE e DW – de Beirute:

Pelo menos quatro civis morreram e 12 ficaram feridos nesta segunda-feira num bombardeio de aviões de origem desconhecida contra um povoado da província de Idlib, no norte da Síria, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Pelo menos quatro civis morreram e 12 ficaram feridos nesta segunda-feira num bombardeio de aviões

O bombardeio aconteceu em Tiftinaz e causou a morte de quatro pessoas, sendo dois menores de idade, destacou a ONG. Além disso, foram registrados outros dois ataques em regiões próximas, mas que não tiveram detalhes revelados.

Idlib está quase totalmente controlada pela Organização de Libertação do Levante e outros grupos armados. No final de dezembro, as tropas governamentais sírias iniciaram uma ofensiva nesta província, embora a região tenha vivido uma relativa calma nas últimas semanas.

Forças de Assad confirmam divisão de Ghouta Oriental

As forças do presidente sírio, Bashar al-Assad, continuaram ganhando terreno na região de Ghouta Oriental; e assumiram no domingo o controle da cidade de Madira, afirmou o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

No sábado, as forças do regime haviam conseguido isolar Duma; a maior cidade de Ghouta Oriental, e também Harasta, dividindo o enclave em três partes. Com os avanços de domingo; as duas cidades estão definitivamente separadas do restante do território de Ghouta Oriental, afirmou o Observatório.

Além da conquista de Madira, o Observatório destacou que as forças leais a Assad – que contam com o apoio de jatos russos; conseguiram se reunir com os militares; que estavam entrincheirados no prédio da Administração de Veículos, localizado no triângulo que se forma entre as localidades de Harasta, Madira e Arbín.

A maioria dos combates ocorrem agora entre Madira e Arbín, cidade perto da estrada que vai para Duma, detalhou a ONG.

Em meados de fevereiro, as forças sírias desencadearam uma ofensiva em Ghouta Oriental; região a nordeste de Damasco onde operam várias fações opositoras armadas. Essas fações dominam menos de 50% da região.

Um novo balanço do Observatório indica que morreram neste domingo pelo menos 12 civis; entre eles dois menores, devido a bombardeios e ataques de artilharia sobre Ghouta Oriental. A ofensiva em Ghouta; causou até o momento mais de 1,1 mil mortes de civis; entre os quais 229 menores e 154 mulheres. Outros 4.378 civis ficaram feridos, acrescentou a ONG.

As forças do regime de Assad já conseguiram expulsar os rebeldes de cerca de metade do enclave, que se estende por cerca de 100 quilômetros quadrados e onde residem 400 mil pessoas, e continuam a progredir no terreno, apesar das tentativas de resistência dos rebeldes.

O post Bombardeio no norte da Síria deixa mortos e feridos apareceu primeiro em Jornal Correio do Brasil.


Fonte: https://www.correiodobrasil.com.br/bombardeio-no-norte-da-siria-deixa-mortos-e-feridos/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias