Ir para o conteúdo

Correio do Brasil

Voltar a CdB
Tela cheia Sugerir um artigo

Evento de Djokovic nos ensinou a ter cautela, diz diretor do Aberto da França

6 de Julho de 2020, 13:15 , por Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 14 vezes

Os organizadores do Aberto da França estão tomando todas as precauções para garantir que o Grand Slam não tenha o mesmo destino que o Adria Tour, de Novak Djokovic, que foi abandonado depois que vários jogadores testaram positivo para covid-19, afirmou o diretor do torneio, Guy Forget.

Por Redação, com Reuters – de Mumbai

Os organizadores do Aberto da França estão tomando todas as precauções para garantir que o Grand Slam não tenha o mesmo destino que o Adria Tour, de Novak Djokovic, que foi abandonado depois que vários jogadores testaram positivo para covid-19, afirmou à agência inglesa de notícias Reuters o diretor do torneio, Guy Forget.

O Aberto da França permitirá até 60% da capacidade usual dentro do recinto de Roland GarrosO Aberto da França permitirá até 60% da capacidade usual dentro do recinto de Roland Garros

Djokovic recebeu críticas após o evento de caridade ter sido disputado diante de multidões na Sérvia e na Croácia, com atletas se abraçando na rede e posando para fotos juntos.

Djokovic, Grigor Dimitrov, Borna Coric e Viktor Troicki testaram positivo para o novo coronavírus.

O Aberto da França permitirá até 60% da capacidade usual dentro do recinto de Roland Garros, quando o torneio em quadras de saibro começar em 27 de setembro. Forget disse que não há chance de repetição dos erros do Adria Tour.

– Talvez algumas pessoas tenham tido excesso de confiança lá – declarou Forget por telefone.

Aberto da França

– Felizmente, ninguém se prejudicou muito, mas mesmo alguns casos são demais e queremos evitar isso o máximo que pudermos.

– Queremos garantir a todos que ter pessoas ficando doentes será terrível para nós. Vamos ser muito cuidadosos, muito cautelosos – completou.

A França começou a diminuir as restrições em maio, mas registrou mais de 500 casos diários nos últimos dias. As máscaras de proteção serão obrigatórias para qualquer pessoa em movimento dentro de Roland Garros e serão recomendadas para quem estiver sentado na quadra.


Fonte: https://www.correiodobrasil.com.br/evento-djokovic-cautela-diretor-aberto-franca/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias