Ir para o conteúdo

Correio do Brasil

Voltar a CdB
Tela cheia Sugerir um artigo

Homem-bomba deixa mortos em academia da polícia na Somália

14 de Dezembro de 2017, 10:43 , por Jornal Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 24 vezes

Os militantes foram expulsos de Mogadíscio em 2011, e desde então vêm perdendo terreno constantemente para as forças combinadas das tropas pacificadoras

Por Redação, com Reuters – de Mogadíscio:

Um homem-bomba disfarçado de policial se explodiu dentro de um campo de treinamento da polícia na capital da Somália, Mogadíscio, nesta quinta-feira e matou ao menos 15 agentes, disseram autoridades.

Um homem-bomba disfarçado de policial se explodiu dentro de um campo de treinamento da polícia na capital da Somália

O porta-voz da polícia, major Mohamed Hussein, disse que o agressor tinha explosivos presos ao corpo; e que se infiltrou na Academia de Treinamento da Polícia General Kahiye durante um desfile no início da manhã.

– Até agora 15 morreram e outros 17 ficaram feridos – disse Abdullahi Nur, outro oficial de polícia, à agência inglesa de notícias Reuters.

Mais cedo o diretor do serviço de ambulância relatou o transporte dos corpos de 13 vítimas; além de 15 feridos.

O grupo militante islâmico Al Shabaab assumiu a responsabilidade pelo ataque e informou um saldo de mortes maior.

– Matamos 27 policiais e ferimos mais – afirmou Abdiasis Abu Musab, porta-voz de operações militares do grupo, à Reuters. O Al Shabaab realiza ataques com bomba em Mogadíscio e outras cidades com frequência.

O grupo, que é aliado da Al Qaeda, mantém uma insurgência contra o governo apoiado pela Organização das Nações Unidas (ONU); e seus aliados da União Africana com o objetivo de derrubar a gestão; e impor sua própria interpretação severa do islamismo.

Os militantes

Os militantes foram expulsos de Mogadíscio em 2011, e desde então vêm perdendo terreno constantemente para as forças combinadas das tropas pacificadoras da União Africana e das forças de segurança somalis.

Os ataques do Al Shabaab ocorrem no momento em que a União Africana finaliza planos para reduzir sua missão pacificadora, a Amison.

A força de 22 mil efetivos foi mobilizada uma década atrás, mas deve perder mil soldados neste mês; parte de um plano de longo prazo para deixar o país e transferir a segurança para o Exército da Somália.

 

O post Homem-bomba deixa mortos em academia da polícia na Somália apareceu primeiro em Jornal Correio do Brasil.


Fonte: https://www.correiodobrasil.com.br/homem-bomba-deixa-mortos-em-academia-da-policia-na-somalia/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias