Ir para o conteúdo

Correio do Brasil

Voltar a CdB
Tela cheia Sugerir um artigo

Klopp e Guardiola defendem atitude do Liverpool após derrota

3 de Julho de 2020, 12:54 , por Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 15 vezes

Juergen Klopp e Pep Guardiola insistiram que o Liverpool estava totalmente concentrado e não tirou o pé do acelerador, apesar da confortável vitória do Manchester City por 4 a 0 sobre o recém-coroado campeão inglês, no estádio Etihad.

Por Redação, com Reuters – de Londres/Assunção

Juergen Klopp e Pep Guardiola insistiram que o Liverpool estava totalmente concentrado e não tirou o pé do acelerador, apesar da confortável vitória do Manchester City por 4 a 0 sobre o recém-coroado campeão inglês, no estádio Etihad, na quinta-feira.

Técnicos Juergen Klopp e Pep Guardiola se abraçam após partida entre Manchester City e LiverpoolTécnicos Juergen Klopp e Pep Guardiola se abraçam após partida entre Manchester City e Liverpool

O City parecia mais agudo e com mais vontade durante a maior parte do jogo, abrindo 3 x 0 no intervalo, enquanto o Liverpool de Klopp estava bem abaixo dos níveis usuais de intensidade.

Antes, o Liverpool havia perdido apenas uma partida da liga nesta temporada, levando alguns a sugerir que a conquista do título na semana passada – o primeiro em 30 anos – e as celebrações subsequentes afetaram o jogo na quinta-feira.

O técnico Klopp

Mas o técnico Klopp não concorda. “Se você quer conduzir esta história na direção de que não estamos focados, faça-o”, disse Klopp. “Gostei da atitude do meu time – vi uma atitude brilhante – vi garotos que estavam lutando com tudo o que têm.”

– Não tem nada a ver com a semana passada, para ser honesto. Dói como derrotas doem. O que eu queria ver hoje à noite era um time que está pronto para lutar contra o Manchester City, que obviamente tinha um ponto a provar – afirmou o alemão.

– Se existe um time no mundo que pode nos esmagar assim, provavelmente é o City, mas voltaremos.

O técnico do City, Guardiola, disse: “Acho que eles beberam muita cerveja na última semana, mas estavam aqui sem cerveja no sangue e para vencer este jogo.”

– Vi uma equipe com um foco incrível, com energia e desejo de vencer o jogo, e vi desde o primeiro minuto que eles estavam focados em jogar duro – acrescentou o espanhol.

Conmebol

A Conmebol defendeu a volta das competições de futebol no continente em uma apresentação de seu principal dirigente diante dos presidentes do Mercosul, que realizaram uma cúpula virtual organizada pelo Paraguai na quinta-feira.

Os torneios continentais foram suspensos em março, quando começaram a surgir os primeiros casos de coronavírus na região, e a Confederação Sul-Americana de Futebol disse que espera retomá-los antes do fim do ano com o aval das autoridades sanitárias dos países.

– Nossos povos fizeram grandes sacrifícios e esforços, submetendo-se a quarentenas severas – disse o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, na cúpula, realizada por videoconferência e que ele participou como convidado.

– O futebol pode se converter em um dos bálsamos para conseguir o ânimo que nossos países precisarão no futuro próximo para se recuperarem deste duro golpe – acrescentou o dirigente paraguaio.

Domínguez ressaltou o protocolo sanitário elaborado pela entidade, que contempla os treinos, as viagens e as competições para um “retorno seguro ao futebol” e que estudou o primeiro passo de um processo gradual que se iniciará com partidas disputadas sem público.

– Nossa intenção não é voltar da noite para o dia à normalidade pré-pandemia, mas que o futebol regresse com total segurança quando vocês, junto com suas respectivas autoridades sanitárias, considerarem oportuno – disse Domínguez, acrescentando que a proposta “não supõe prazos nem datas”.

O organismo espera retomar ainda neste ano as copas Libertadores e Sul-Americana, assim como as eliminatórias sul-americanas da Copa do Mundo do Catar de 2022. A Copa América, que deveria ser disputada em junho na Argentina e na Colômbia, foi adiada para 2021.


Fonte: https://www.correiodobrasil.com.br/klopp-guardiola-defendem-liverpool-derrota/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias