Ir para o conteúdo

Correio do Brasil

Voltar a CdB
Tela cheia Sugerir um artigo

Polícia cumpre mandados de prisão contra acusados de tráfico de drogas

10 de Julho de 2019, 12:11 , por Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 33 vezes

As investigações tiveram início em março de 2017, quando um dos acusados foi preso com 320 quilos de cocaína no Estado de Rondônia.

Por Redação, com ABr – do Rio de Janeiro

Policiais federais cumpriram nesta quarta-feira 10 mandados de prisão preventiva e sete de busca e apreensão contra acusados de integrar uma organização criminosa voltada para o tráfico internacional de drogas. Os mandados foram cumpridos no Rio de Janeiro, em São Paulo, Rondônia e na Paraíba.

PF cumpre dez mandados de prisão contra acusados de tráfico de drogas

De acordo com a Polícia Federal, o grupo criminoso comanda as operações a partir da cidade do Rio de Janeiro.

As investigações

As investigações tiveram início em março de 2017, quando um dos acusados foi preso com 320 quilos de cocaína no Estado de Rondônia. A partir daí, foi possível identificar outros suspeitos de integrar a quadrilha.

Durante o monitoramento do grupo, a polícia conseguiu fazer três apreensões, num total de 2,5 toneladas de drogas que seriam distribuídas em favelas do Rio.

Desvio de dinheiro público

A Operação Mão Dupla foi deflagrada nesta quarta-feira pela Polícia Federal (PF), para investigar desvios de recursos públicos, por meio de superfaturamento em contratos de manutenção e conservação da rodovia BR 364, em Rondônia.

As investigações apuraram que foram firmados contratos entre o Departamento Nacional de infraestrutura de Transportes (Dnit) e a empresa investigada, no valor superior a R$ 186 milhões.

Há indícios de facilitação de servidores públicos na aprovação das medições apresentadas pela empresa investigada e detectados serviços prestados com qualidade inferior à contratada e pagamento por serviços não executados.

Policiais federais cumpriram sete mandados de prisão e 10 de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal, em endereços nos estados de Rondônia e do Acre.

Além dos mandados, foi solicitado o bloqueio de mais de R$ 10 milhões, que seriam liberados irregularmente em favor da empresa investigada.

Polícia de Minas

A Polícia Civil de Minas Gerais cumpriu, na terça-feira, mandados de busca a apreensão na sede do Cruzeiro Esporte Clube e nas casas de dirigentes do clube, em Belo Horizonte. A diretoria do time é investigada por supostas transações fiscais irregulares e lavagem de dinheiro na Operação Primeiro Tempo.

Os agentes também estiveram no galpão da torcida organizada Máfia Azul, além das residências do presidente do Cruzeiro, Wagner Pires de Sá, do vice-presidente, Itair Machado, e do diretor-geral,

Sérgio Nonato. De acordo com a corporação, cerca de 100 agentes participaram das diligências. Os detalhes não foram divulgados porque a investigação está em segredo de Justiça.

Irregularidades

As supostas irregularidades no Cruzeiro foram divulgadas primeiramente, no mês passado, pelo Programa Fantástico, da Rede Globo.

Em nota divulgada à imprensa, o clube afirmou que apoia as investigações.

“A diretoria do Cruzeiro Esporte Clube vem a público manifestar seu apoio às apurações das denúncias feitas pelo programa Fantástico, da Rede Globo, no dia 26 de maio passado. O clube informa que entregou às autoridades toda a documentação solicitada para a investigação. Lamentamos apenas que este fato esteja acontecendo exatamente às vésperas de uma decisão importante na Copa do Brasil. O Cruzeiro Esporte Clube informa que continuará à disposição das autoridades competentes para quaisquer tipos de outros esclarecimentos necessários”, diz a nota.


Fonte: https://www.correiodobrasil.com.br/policia-cumpre-mandados-prisao-acusados-trafico-drogas/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias