Ir para o conteúdo

Correio do Brasil

Voltar a CdB
Tela cheia Sugerir um artigo

Rafael Nadal perderá torneios de Pequim e Xangai por lesão no joelho

19 de Setembro de 2018, 12:18 , por Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 19 vezes

O espanhol lidera o ranking mundial com 8.760 pontos, 1.860 à frente de Federer e 2.315 adiante de Djokovic, de volta à boa forma.

Por Redação, com Reuters – de Londres/Zadar, Croácia 

O tenista número 1 do mundo, Rafael Nadal, disse nesta quarta-feira que não disputará a etapa asiática do circuito da ATP para se recuperar de uma lesão no joelho sofrida no Aberto dos Estados Unidos, uma decisão que aumentará as chances de Novak Djokovic terminar o ano no topo do ranking.

Rafael Nadal no Aberto dos EUA

Nadal foi forçado a abandonar a semifinal contra o argentino Juan Martin del Potro em Nova York por causa do que mais tarde disse ser uma tendinite no joelho direito, e agora perderá os torneio de Pequim e Xangai no mês que vem.

Djokovic, sexto cabeça de chave no Aberto dos EUA, derrotou Del Potro na final e conquistou seu segundo título de Grand Slam neste ano, chegando à terceira posição do ranking, atrás de Nadal e Roger Federer.

– Tive que desistir da semifinal do Aberto dos EUA, e na segunda-feira passada estive com médicos em Barcelona para analisar a situação do meu joelho – escreveu Nadal no Twitter.

– Embora os problemas no meu joelho não sejam nada novo, decidi, juntamente com minha equipe médica e técnica, não participar da turnê asiática para me recuperar.

O espanhol lidera o ranking mundial com 8.760 pontos, 1.860 à frente de Federer e 2.315 adiante de Djokovic, de volta à boa forma.

Como Federer está reduzindo o número de torneios que joga, no ano passado o suíço só disputou os eventos de Xangai, da Basileia e o ATP Finals depois do Aberto dos EUA, Djokovic agora é o favorito a destronar Nadal.

Copa Davis

Borna Coric manteve a calma para vencer um emocionante duelo com o jovem Frances Tiafoe no domingo e levar a Croácia à final da Copa Davis pela segunda vez em três anos, com uma monumental vitória por 3 a 2 sobre os Estados Unidos.

Coric, de 21 anos, perdia por dois sets a um antes de virar e derrotar o estreante de 20 anos Tiafoe por 6-7 (0), 6-1, 6-7 (11), 6-1 e 6-3. O jogo brecou a reação dos norte-americanos, que haviam saído de um 2 a 0 contra na série para empatar em 2 a 2.

No jogo anterior, Sam Querrey havia feito jus à aposta do capitão Jim Courier ao vencer o talismã da casa Marin Cilic após quase ficar dois sets a zero contra no placar: 6-7 (2), 7-6 (6), 6-3 e 6-4.

No entanto, com tudo em jogo na quinta partida da série, o primeiro duelo entre dois dos jovens mais promissores do tênis, Coric conseguiu superar a perda de dois tiebreaks muito diferentes entre si para marcar o último ponto da Croácia, que agora encara a França na final.

– Isso foi inacreditável. É o momento mais especial de toda a minha vida – disse um emocionado Coric na quadra depois da partida.

Os franceses, que derrotaram a Espanha por 3 a 2 na outra semifinal em Lille, terão vantagem em casa no confronto de novembro e esperam vingar a derrota por 3 a 2 para os croatas na semifinal de 2016.

A “Copa do Mundo do tênis” também vai repetir a final da Copa do Mundo na Rússia, com os franceses, 10 vezes campeões da Copa Davis, novamente favoritos para bater os croatas, cujo único título aconteceu em 2005.


Fonte: https://www.correiodobrasil.com.br/rafael-nadal-torneios-pequim-xangai-joelho/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias