Ir para o conteúdo

Correio do Brasil

Voltar a CdB
Tela cheia Sugerir um artigo

Sette Câmara é aceito em programa de jovens pilotos da McLaren

6 de Novembro de 2018, 14:01 , por Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 34 vezes

Sette Câmara integrou o programa juvenil da Red Bull e fez testes com a Toro Rosso em 2016, mas foi dispensado no ano passado.

Por Redação, com Reuters e EFE – de Londres/Sepang

O brasileiro Sérgio Sette Câmara participará do programa de jovens pilotos da McLaren, no qual terá um papel em atividades de testes e desenvolvimento, informou a equipe de Fórmula 1 nesta terça-feira.

O piloto brasileiro Sérgio Sette Câmara

Neste ano o piloto de 20 anos foi companheiro de equipe de Fórmula 2 de Lando Norris, jovem britânico que estreará na F1 com a McLaren na próxima temporada em uma nova parceria com o espanhol Carlos Sainz.

Sette Câmara integrou o programa juvenil da Red Bull e fez testes com a Toro Rosso em 2016, mas foi dispensado no ano passado. Ele é patrocinado pela Petrobras, a fornecedora de combustível da McLaren.

Atualmente o Brasil, terra natal de Emerson Fittipaldi, Nelson Piquet e do falecido Ayrton Senna, donos de vários títulos mundiais, não é representado na F1 por nenhum piloto.

Márquez triunfa no GP da Malásia

O espanhol Marc Márquez, da Honda, chegou à nona vitória da temporada e à 70ª na carreira ao conquistar no domingo o Grande Prêmio da Malásia da MotoGP, disputado no circuito de Sepang.

Completaram o pódio o também espanhol Álex Rins, da Suzuki, na segunda posição, e o francês Johann Zarco, da Yamaha, que havia largado na pole position e terminou em terceiro.

Márquez havia sido punido com a perda de seis posições no grid de largada por ter atrapalhado o italiano Andrea Iannone, da Suzuki, em uma volta no treino de sábado, motivo pelo qual largou no sétimo lugar.

Campeão por antecipação, o espanhol fez uma corrida impecável e se beneficiou com a falha do italiano Valentino Rossi, da Yamaha, que largou em segundo e liderou a corrida por muito tempo, mas caiu a quatro voltas do fim e concluiu a prova na 18ª posição, fora da zona de pontuação.

Na Moto2, o italiano Francesco Bagnaia, da Kalex, se consagrou campeão pela primeira vez na carreira ao terminar o GP da Malásia na terceira posição. Enquanto isso, o compatriota Luca Marini (Kalex), vencedor da corrida, chegou ao primeiro triunfo na competição.

O espanhol Jorge Martín, da Honda, foi campeão mundial da Moto3 ao vencer em Sepang e ver o principal rival na disputa pelo título, o italiano Marco Bezzecchi, da KTM, chegar em quinto lugar.


Fonte: https://www.correiodobrasil.com.br/sette-camara-aceito-programa-jovens-pilotos-mclaren/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias