Ir para o conteúdo

Everton de Andrade

Voltar a Blog Ponto de Vista
Tela cheia

Basta de guerra contra os brasileiros!

5 de Março de 2019, 17:09 , por Everton de Andrade - | No one following this article yet.
Visualizado 105 vezes
Licenciado sob CC (by)

Desde meados de 2014, a extrema direita brasileira, infiltrada nas instituições públicas do país, declarou guerra contra um ex-Presidente da República e os respectivos partidos que o apoiavam.

Dentre as principais consequências disso estão a estagnação econômica do país, o aumento da violência contra as pessoas que se manifestam a favor do ex-Presidente,  a morte de familiares do mencionado perseguido, e a ascensão ao poder de políticos da extrema direita, sendo o Bozo o maior exemplo dessa mudança nas forças políticas brasileiras.

Em pleno carnaval deste ano, o atual Presidente da República ampliou os alvos de guerra: os profissionais da educação pública, especialmente aqueles das universidades federais, foram declarados os mais novos inimigos do país.

E o desbravador dessa nova batalha será, novamente, o paladino da moralidade, o atual Ministro da Justiça, que se comporta como se fosse o Imperador do Brasil.

Lamento profundamente que, ao invés de se priorizar o combate ao aumento recorrente dos homicídios no país – o qual deveria ser o foco prioritário da atuação integrada das instituições de segurança pública e de ação social – observa-se que a extrema direita, infiltrada nos órgãos públicos, escolhe os políticos de centro-esquerda e, agora, os profissionais da educação, como os inimigos a serem desterrados pelos sistemas policiais e prisionais.

Espero que os formadores de opinião brasileiros se atentem para essas guerras oficialmente não declaradas contra os cidadãos do próprio país, e rejeitem um Estado de Direito baseado na perseguição a quem for considerado adversário político da extrema direita brasileira.