Ir para o conteúdo

Luiz Muller Blog

Voltar a Blog
Tela cheia Sugerir um artigo

Relatório do Exército tem acusações graves contra Bolsonaro: “contrabandista, mercenário e terrorista” entre outros

20 de Janeiro de 2021, 19:24 , por Luíz Müller Blog - | No one following this article yet.
Visualizado 20 vezes

O que não dá pra entender é a subserviência dos Generais a um Sujeito que orquestrou até um atentado terrorista contra um Quartel entre outras barbaridades. É muita chinelagem dos Generais que aceitaram isto, garantindo um salário e a eleição deste bandido que de lá pra cá se aperfeiçoou no Crime, se aliando as Milícias.

Segue artigo do Blog do Paulinho e a integra do Relatório do Exército

É de conhecimento público que Jair Bolsonaro, no desempenho de suas funções no Exército, passou por julgamento em que foi condenado e preso, sob acusação de orquestrar ataque terrorista e vazar informações internas à revista VEJA.

Foi absolvido em segunda instância, mas convidado a se “aposentar” das Forças Armadas, apesar de relatório da Polícia Federal atestar que, de fato, a letra do “croqui” que embasou o plano de ataque era do capitão.

Pouco se abordou, porém, detalhes relevantes do relatório do Exército, que conflitam com o discurso de combate à corrupção de Jair Bolsonaro.

Separamos alguns trechos:


Resultado de imagem para croqui bolsonaro

“(…) sua publicação (dos croquis) agora destina-se a provar que o nominado (Bolsonaro) mentiu ao dizer que não falou com a repórter (da Veja)”

Resultado de imagem para muamba paraguai

“(…) ao invés de fazer croqui de bombas, escreva quantas vezes você foi ao Paraguai trazer muamba e sobre seus problemas no Mato Grosso do Sul”

“(…) você não passa de um mercenário, corno e contrabandista querendo aparecer”


“(…) a que (a jornalista da Veja) responde ter recebido uma ameaça de morte do referido capitão (Bolsonaro), momentos antes de iniciar seu depoimento”


“(…) o nominado diz que quer Collor para presidente”


Resultado de imagem para garimpo ouro revolver

“(…) solicita informar o que consta sobre o envolvimento do nominado (Bolsonaro), no ano de 1983, com relação a transações no garimpo do Ouro”


CONFIRA ABAIXO A ÍNTEGRA DO RELATÓRIO:


Fonte: https://luizmuller.com/2021/01/20/relatorio-do-exercito-tem-acusacoes-graves-contra-bolsonaro-contrabandista-mercenario-e-terrorista-entre-outros/

Novidades