Ir para o conteúdo

Cúpula dos Povos

Voltar a Notícias da ONU
Tela cheia Sugerir um artigo

UNICEF e prefeitura de Recife promovem nesta semana mais de 600 atividades sobre primeira infância

22 de Maio de 2018, 17:30 , por ONU Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 14 vezes
Recife e UNICEF promovem 4ª Semana do Bebê na capital pernambucana. Foto: UNICEF

Recife e UNICEF promovem 4ª Semana do Bebê na capital pernambucana. Foto: UNICEF

Acontece nesta semana a 4ª Semana do Bebê do Recife, iniciativa promovida pelo governo municipal em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF). Até o próximo domingo (27), mais de 600 atividades serão oferecidas à população da capital pernambucana, entre rodas de conversa, atividades recreativas, contação de histórias, resgate de cantigas de ninar, orientações de saúde e outros serviços.

A primeira criança nascida nesta terça-feira (22) recebeu a chave da cidade e o cargo simbólico de bebê-prefeito.

Em 2018, a Semana do Bebê terá o tema “Gerando afeto, construindo vínculos”. Com palestras e oficinas, a programação é voltada também para profissionais da prefeitura. Iniciativa ocupará creches, unidades de saúde e parques de todas as seis Regiões Político-Administrativas (RPAs) do Recife.

No Shopping RioMar, no Pina, uma exposição fotográfica traz imagens de ações do Executivo municipal em prol da primeira infância. O calendário da semana terá ainda o apoio de ONGs mobilizadas pelo Transforma Recife. Instituições mobilizaram voluntários para atividades da semana, como a leitura de contos em centros de ensino.

Na quinta-feira (24), o Centro Comunitário da Paz (COMPAZ) do Alto Santa Terezinha terá natação para bebês, contação de histórias e oficina de massagem shantala e psicomotricidade para crianças.

Já o COMPAZ Ariano Suassuna, no Cordeiro, receberá na sexta-feira (25) aulinhas de futsal e futebol de campo para as crianças, além de contação de histórias.

No mesmo dia, a sede da Prefeitura inaugurará, a partir das 8h, a sala de amamentação para a mulher trabalhadora. Também serão disponibilizadas bicicletas adaptadas para crianças com deficiência na atividade batizada de Bike sem Barreiras.

Até mesmo o gabinete do prefeito Geraldo Julio será ocupado pelos bebês. Os alunos da Creche-escola Doutor Albérico Dornelas Câmara sairão do primeiro andar da sede da prefeitura, onde funciona a unidade de educação infantil, e subirão até o nono andar, para participar de uma contação de histórias na sala do gestor municipal.

Na tarde da sexta, às 14h, o Terreiro Pai Everaldo, em Água Fria, recebe a ação Ninar nos Terreiros. Participantes aprenderão maneiras de cuidar das crianças utilizando elementos da cultura africana.

O projeto Praia Sem Barreiras também terá uma edição especial dedicada às crianças. O Criança sem Barreiras proporcionará banho de mar assistido para meninos e meninas com deficiência na Praia de Boa Viagem, na manhã do sábado (26).

O encerramento da 4ª Semana do Bebê será no Festival Recife Urbana Arte (R.U.A.), no Bairro do Recife, no domingo (27). Um polo infantil será montado na Avenida Marquês de Olinda, onde serão instalados brinquedos infláveis. O local também será palco de uma oficina de pintura corporal e de outras atividades recreativas. A programação para as crianças se estende das 9h às 18h. A partir das 16h, Carol Levy vai divertir meninas e meninos com contação de histórias.

Acesse a programação completa da Semana clicando aqui.

Direitos da primeira infância

A Semana do Bebê deste ano contará também com o Diálogo Intersetorial sobre a Promoção dos Direitos da Primeira Infância, no Centro de Convenções, na quarta (23) e na quinta-feira (24). O encontro vai discutir a primeira infância no contexto da Plataforma dos Centros Urbanos (PCU), um programa do UNICEF da qual o Recife faz parte.

A Plataforma dos Centros Urbanos 2017-2020 tem como uma de suas prioridades promover os direitos da primeira infância, além de enfrentar a exclusão escolar, promover os direitos sexuais e os direitos reprodutivos de adolescentes e reduzir os homicídios de jovens.

Fruto de parcerias entre a agência da ONU, governos e parceiros, a Plataforma busca promover os direitos das crianças e dos adolescentes mais afetados pelas desigualdades existentes dentro de cada cidade. A iniciativa ocorre em dez capitais brasileiras e envolve pela primeira vez a cidade do Recife. Em sua terceira edição, conta com a parceria estratégica da Amil e RGE.


Fonte: https://nacoesunidas.org/unicef-e-prefeitura-de-recife-promovem-nesta-semana-mais-de-600-atividades-sobre-primeira-infancia/

Rio+20 ao vivo!