Ir para o conteúdo

Luiz Muller Blog

Voltar a Blog
Tela cheia Sugerir um artigo

As trevas saem das entrelinhas e avançam sobre o que resta de política: Sobre a “liderança” de Eduardo Bolsonaro

21 de Outubro de 2019, 14:07 , por Luíz Müller Blog - | No one following this article yet.
Visualizado 14 vezes
Print da Capa do Site do Correio do Povo. 1º o Presidente fala que o “bem vencerá o mal”. E depois, o tal Delegado Waldir se submete e aceita a liderança de Bolsonaro

“O bem vencerá o mal”, disse Bolsonaro ao embarcar. Ele se reivindica o “bem”. Se ele e os seus são o “bem”, aos do “mal” não restará espaço. Isto não é política. É o fim definitivo da política. E o proto fascismo tupiniquim respaldado por um discurso religioso avança sobre a sociedade.

Na parábola do joio (Mateus 13.: 24-29), os servos pediram ao dono do campo: “Senhor, não semeaste boa semente no teu campo? Onde, então, que as ervas daninhas vêm? “E o dono respondeu:” Um inimigo fez isso. “

Como os Bolsonaro estariam tratando “o joio” do seu campo? Com ameaças? Ou comprando a turma pra que se transmutem em “bom” trigo”?

Depois de toda a xingação de baixo nível, o que parecia ser uma briga infindável, simplesmente terminou e Eduardo Bolsonaro virou líder.

Como esta turma que lida com milícias faz com que um Deputado um dia assine apoiando o tal Delegado Waldir pra Líder e no dia seguinte mude e assine lista apoiando um Bolsonaro?

Com Certeza não é a negociação política que os move. O que os faz pensar ou os obriga a estar do lado de quem acha que é o bem e portanto todos os outros são o mal?

Falo disto, por que se Bolsonaro e seu Governo de doidos não for detido, as trevas se abaterão definitivamente sobre o Brasil. Cada mês a mais de Bolsonaro e Guedes no poder serão anos a mais necessários pra resgatar o Brasil pra democracia e resgatar cada vez mais milhões de brasileiros que vão entrando na linha de pobreza.

A Frente Ampla em Defesa da Soberania é necessária, fundamental e Urgente. Avançar com a proposta de um PLEBISCITO REVOGATÓRIO e ganhar as massas populares para a ideia, pode fazer o capital financeiro pensar duas vezes em abocanhar todos os bens pátrios que lhe são oferecidos a troco de banana por Paulo Guedes.

Mas Frente é em Defesa da Soberania, ela tem que ser também anti fascista, por que o fascismo bolsonarista, apoiado pela Rede Globo e respaldado pela Grande mídia, é que sustenta nas ruas, pela força das mentiras, do medo e do terror, que já avança cada vez mais sobre o povo, julgando, torturando, obtendo delações, matando reputações ou matando fisicamente em especial os mais pobres. Atiram com fuzis, matam, e depois se desculpam, dizendo que combatem “o mal”.

As brumas já nos encobrem, mas ainda é possível enxergar. Que achemos as luzes antes que as trevas dominem todo o trigal.


Fonte: https://luizmuller.com/2019/10/21/as-trevas-saem-das-entrelinhas-e-avancam-sobre-o-que-resta-de-politica-sobre-a-lideranca-de-eduardo-bolsonaro/

Novidades