Ir para o conteúdo

News

Voltar a Blog
Tela cheia Sugerir um artigo

Incêndio em fábrica de baterias de lítio deixa mortos na Coreia do Sul

24 de Junho de 2024, 12:22 , por Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 36 vezes

O incêndio e uma série de explosões atingiram a fábrica administrada pelo fabricante de baterias Aricell em Hwaseong, um aglomerado industrial a sudoeste da capital Seul.

Por Redação, com Reuters – de Seul

Uma fábrica de baterias de lítio na Coreia do Sul ficou em chamas depois que várias baterias explodiram nesta segunda-feira, matando 22 funcionários, a maioria de nacionalidade chinesa, informaram os bombeiros.

Mais de 100 pessoas trabalhavam na fábrica quando várias explosões foram ouvidas no segundo andar, onde as baterias de lítio são inspecionadas e empacotadas

O incêndio e uma série de explosões atingiram a fábrica administrada pelo fabricante de baterias Aricell em Hwaseong, um aglomerado industrial a sudoeste da capital Seul.

As vítimas provavelmente sucumbiram ao gás extremamente tóxico segundos depois que o incêndio saiu do controle, disseram as autoridades. Não ficou claro o que causou as explosões e o fogo foi praticamente extinto em cerca de seis horas.

Dezoito trabalhadores da China, dois da Coreia do Sul e um do Laos estavam entre os mortos. A nacionalidade do outro trabalhador morto ainda não foi confirmada, disse aos repórteres Kim Jin-young, funcionário do serviço de bombeiros de Hwaseong, citando informações de funcionários da empresa.

O incêndio foi relatado pela primeira vez às 10h31 (horário local) depois que uma série de células de bateria explodiu dentro de um depósito de 35 mil baterias, disse Kim.

Os socorristas

Um jornalista da agência inglesa de notícias Reuters viu bombeiros retirando até seis corpos da fábrica. Devido à intensidade das chamas, os socorristas estavam encontrando dificuldades para identificar os mortos, disse Kim.

Duas pessoas estavam sendo tratadas por queimaduras graves, disseram as autoridades no local.

Imagens de TV ao vivo mostraram bombeiros contendo as chamas no edifício de aço e concreto danificado. Partes do andar superior haviam desmoronado e grandes pedaços do edifício pareciam ter sido jogados na rua pelas explosões.

Imagens aéreas mostraram enormes nuvens de fumaça branca saindo da estrutura e explosões percorrendo o edifício.

O oficial do corpo de bombeiros da província de Gyeonggi Cho Sun-ho disse que a maioria dos trabalhadores estrangeiros mortos eram contratados temporários, provavelmente não familiarizados com a estrutura do edifício. A fumaça e o fogo se espalharam em 15 segundos e as vítimas provavelmente sucumbiram após uma ou duas respirações, disse ele.


Fonte: https://www.correiodobrasil.com.br/incendio-fabrica-baterias-litio-deixa-mortos-coreia-sul/

Notícias

News

Minha rede

Faça uma doação