Ir para o conteúdo

Blog do Arretadinho

Voltar a Postagens
Tela cheia Sugerir um artigo

Conheça os benefícios do arroz negro

14 de Maio de 2019, 9:29 , por Blog do Arretadinho - | No one following this article yet.
Visualizado 29 vezes
Foto Istock
Grão exótico possui mais fibras do que o arroz integral e branco, por isso pode até ajudar a queimar aqueles quilinhos indesejados

O arroz negro, apesar de pouco utilizado na culinária, é um alimento cheio de benefícios e que vale a pena ser incluído no cardápio. Cultivado há mais de quatro mil anos na China, o grão era conhecido como "arroz proibido", pois, por ser raro e saboroso, só podia ser consumido pelo Imperador Chinês e sua família. Hoje o arroz negro pode ser encontrado nas prateleiras dos supermercados.

Segundo Gabriela Rebello, nutricionista, o grão mantém sua película externa (geralmente retirada do arroz branco) que é rica em vitaminas A, B1, B2, B6, B12, cálcio, magnésio, ferro e zinco. Também apresenta 30% a mais de fibras e 20% a mais de proteínas quando comparado com o arroz branco, e possui menos gordura do que o arroz integral, além de menor valor calórico e elevado teor de ferro. 

Quando o alimento é consumido regularmente, suas fibras ajudam a regular o intestino, além de controlar a glicemia, evitando cargas demasiadas de insulina. O exótico grão também reduz as taxas de colesterol. "Se consumido continuamente por longo período, ele ainda previne câncer, doenças degenerativas e problemas cardiovasculares”, complementa a especialista.

Arroz negro X arroz integral
Quem está acostumado com o sabor e o formato do arroz integral pode estranhar o negro. O grão, escuro, curto e arredondado, tem textura firme, sabor amendoado e aroma diferenciado. O preço também está longe de se parecido. 500 g do grão custa R$ 15, em média.

Quando comparado ao arroz integral, as calorias do negro não mudam muito. Para 100g a diferença é de 359 calorias no arroz negro contra 362 calorias no arroz integral. A grande diferença está nas fibras, que são encontradas no arroz negro em maior quantidade. Além disso, ele tem poder antioxidante bem maior que o integral.  

Gabriela explica que o grão apresenta um aporte elevado de compostos fenólicos, flavonóides e antocianinas. Esses antioxidantes são responsáveis por combater os radicais livres, protegendo as células contra doenças crônicas não transmissíveis e mantendo o organismo protegido e em equilíbrio. 

Ajuda a emagrecer?
Sim! Como possui grande quantidade de fibra, o grão proporciona sensação de saciedade, ajuda a queimar calorias e regula o funcionamento do intestino. O alimento pode ser, assim como as outras versões de arroz, combinado com vegetais, carnes e purês, além de ser um ótimo ingrediente para preparações mais elaboradas, como risotos por exemplo. 

Apesar da nutricionista destacar que a quantidade recomendada por dia do arroz negro depende da necessidade calórica de cada pessoa, ela sugere o consumo médio de 4 colheres de sopa por refeição, o que equivale a cerca de 80g. Gabriela destaca ainda que o alimento é contraindicado para pacientes com alterações renais. O ideal é consultar um profissional qualificado antes de consumi-lo. 

Faça em casa
Confira uma receita básica de preparação desse arroz sugerida pela nutricionista:

Ingredientes

1 copo de arroz negro;
2 e 1/2 de água;
1/2 colher de chá de sal.
Modo de fazer

Coloque o arroz, a água e o sal em uma panela de pressão e tampe-a.
Deixe em fogo alto até ferver (até chiar). Em seguida, baixe o fogo para baixíssimo e deixe cozinhando por aproximadamente 25 minutos.
Abra a panela e verifique se o arroz está cozido. Caso, após abrir a panela, ainda haja água, deixar secar em fogo baixíssimo, mas sem pressão. Dica: Se o objetivo for utilizar o arroz no preparo de um risoto, deixe-o cozido, mas bem consistente.
Bônus: receita de Supli de arroz negro
Ingredientes para a massa

250 g de arroz negro
1 litro de caldo de vegetais
150 g de palmito 
1/4 de cebola picada
1 dente de alho picado
10 ml de azeite (para refogar)
30 g de manteiga
50 g de parmesão ralado
Recheio

50 g de mozarela de búfala
1/2 maço de manjericão
Montagem

500 g de farinha de linhaça dourada 
500 g de farinha de trigo integral
2 ovos inteiros
1 litro de óleo (para fritar)
Modo de preparo

Deixe o arroz cozinhar normalmente com o caldo de vegetais e, enquanto isso, refogue no azeite a cebola, o palmito e o alho.
Misture-os com o arroz e adicione queijo parmesão e manteiga.
Cozinhe até que se torne um risoto.
Quando estiver frio, faça bolinhas de arroz e recheie com mozarela de búfala e uma folha de manjericão, ou como preferir.
Passe no ovo e na farinha de linhaça dourada, em seguida frite e quando estiver razoavelmente frio estará pronto para servir.

23 receitas de arroz negro para uma refeição com sabor exótico e marcante

O arroz negro, também conhecido como arroz preto ou selvagem, é um acompanhamento com aroma especial e alto valor nutricional, rico em ferro, proteínas, vitaminas antioxidantes, ômega 3 e com baixo teor de gordura.

O sabor desse grão é amendoado e marcante, considerado exótico e até afrodisíaco! É um acompanhamento que cai muito bem com carnes de diferentes tipos, com saladas e até em risotos. Confira as melhores receitas de arroz negro para preparar um prato inesquecível:

Receitas de arroz negro que você precisa provar

1. Arroz negro à brasileira: para fazer este arroz, você deve refogar cebolinha verde em azeite. Em seguida, unir o arroz negro em cachaça aromatizada com casca de bergamota, fundo de legumes feito em casa e um pouco de sal. A ideia é servir bem quente, polvilhando coentro e flor de sal por cima.

2. Arroz negro perfeito: se você quer variar o menu do almoço, nada melhor do que acrescentar um pretinho básico à refeição. Os ingredientes utilizados são bem simples: arroz preto, água, alho, azeite, folhas de louro e sal a gosto.

3. Arroz negro cremoso: quem deseja acrescentar um “tchan” ao arroz deve apostar nesta receita. Você vai preparar um arroz cremoso que leva creme de ricota na composição. Utilize também azeite de oliva, cebola, água, sal e azeite extra virgem para finalizar o prato.

4. Arroz negro com aspargos: esta receita é uma ótima opção para ser servida em almoços especiais e até na ceia de Natal! Você precisa de arroz preto, óleo, cebola, tomilho, sal, água, aspargos cozidos, pimenta biquinho, azeite e suco de limão.

5. Arroz negro com lentilha: uma versão prática de fazer e que fica uma delícia. Você vai preparar o arroz preto e a lentilha na mesma panela, facilitando bastante o preparo. O prato ainda leva alho-poró, alho, cenoura, bacon, espumante, azeite de oliva, pimenta e sal.

6. Arroz negro com cogumelos: este tipo de arroz combina super bem com cogumelos, especialmente o paris. A refeição fica pronta em apenas 30 minutos, sendo excelente para você preparar em um dia que esteja com pouco tempo na cozinha e precise de um almoço express.

7. Arroz negro com cenoura e alho-poró: para preparar este prato, você precisa de arroz selvagem, alho, alho-poró, cebolinha verde, cenouras, salsinha desidratada, óleo vegetal, sal e pimenta. Esta receita serve até três pessoas.

8. Salada de Arroz Negro com Aspargos e Camarões: se você quer surpreender, aposte nesta receita. Você vai aprender a preparar o arroz preto e também a fazer dois molhos, um de laranja e coco e outro de limão, para temperar a sua salada. Além de linda, fica com um sabor irresistível.

9. Canja de galinha com arroz negro: acredite se quiser, mas até uma sopinha pode ser feita com o arroz selvagem! O resultado é uma sopa que parece visualmente a de feijão, mas na primeira colherada você sente o sabor potente do arroz.

10. Arroz negro com manga: esta receita mistura o arroz preto e o arroz branco, que são cozidos separadamente. Quando estiverem prontos, aqueça rapidamente manteiga e curry, com alho-poró, sal e pimenta a gosto. Misture os dois tipos de arroz e a manga, mexendo bem. Uma explosão de sabores!

Receitas de arroz negro com peixe

Foto Marola com Carambola



11. Arroz Negro Al Mare: o arroz selvagem é perfeito para ser consumido com frutos do mar. Nesta receita, ele é preparado com muitos temperos e servido com mexilhões, camarões e lula cortada em rodelas.

12. Arroz negro com filé de linguado: este prato é um verdadeiro espetáculo! Você vai preparar um filé de linguado, acompanhado de purê de mandioquinha, coberto com vagens salteadas no azeite e no alho, acompanhado de arroz preto. Para acentuar ainda mais os sabores, use pimenta biquinho para servir.

13. Arroz negro com tilápia: nesta receita, o arroz preto é feito com vinho branco seco, caldo de legumes, cebola, alho e azeite. Prepare a tilápia da maneira que você gosta e sirva com um vinagrete de frutas. Fica um arraso!

14. Arroz negro com bacalhau: o sabor marcante do arroz e do bacalhau combina, sim! Cozinhe o arroz com caldo de legumes, lembrando que o arroz selvagem demora mais para ficar pronto do que o arroz comum e, por isso, é possível que você tenha que adicionar mais água para que ele fique macio. Use bacalhau já dessalgado, que será preparado na frigideira.

Receitas de arroz negro com carnes
Foto Sem Medida

15. Arroz negro com frango ao curry: a versatilidade do arroz negro é tanta que ele combina com praticamente todos os tipos de proteínas. A ideia desta receita é preparar o arroz com manteiga salgada, salteado na frigideira depois de cozido. O sabor especial vem das especiarias moídas que fazem parte do tempero do frango.

16. Arroz negro com costela suína: a carne de porco é outra proteína que cai muito bem com arroz preto. Para preparar o grão, você vai usar apenas sal, cebola e alho. Dica: deixe o arroz de molho na água para ficar mais macio.

17. Arroz negro com carré de cordeiro: nesta receita, o arroz é preparado com cebola, manteiga, vinho branco e caldo de carne. Sirva acompanhado de carré de carneiro, uma carne que tem um sabor bem forte e marcante, assim como o arroz.

18. Arroz negro com mignon: para fazer um arroz bem soltinho, refogue-o normalmente com cebola, mas use manteiga em vez de óleo. Isso ajuda os grãos a ficarem separados. Tempere o filé mignon com os ingredientes de sua preferência, sele a carne e sirva acompanhada do arroz selvagem.

Receitas de risoto de arroz negro
19. Risoto de Arroz Negro com bacon, na pressão: por ter um sabor amendoado, o arroz preto harmoniza bem com com o bacon, que esta presente na lista de ingredientes deste risoto. O melhor de tudo é que o prato é feito na panela de pressão, garantindo praticidade na sua cozinha.

20. Risoto de arroz negro com manteiga de garrafa: esta é uma receita do chef Alex Atala e é perfeita para surpreender seus convidados. O risoto é feito com arroz preto, cebola, caldo de legumes, azeite, vinho branco e manjericão. Quando o arroz estiver al dente, coloque o catupiry, tempere com sal e pimenta e finalize com a manteiga.

21. Risoto de arroz negro com cogumelos: para preparar esta receita, você vai usar os cogumelos shitake e shimeji. Para o risoto, você deve refogar o arroz com cebola e azeite e cozido com vinho branco. Após o vinho evaporar, adicione caldo de legumes.

22. Risoto de arroz negro com camarão: você já conferiu que o arroz preto combina perfeitamente com frutos do mar. E nada como preparar um camarão especial para servir como acompanhamento. Nessa receita, você vai aprender segredos para preparar um caldo de camarão que será utilizado na receita.

23. Risoto de arroz negro com carne seca: o modo de preparo deste risoto é bem simples. Refogue, durante um minuto, o arroz (sem lavá-lo) na manteiga, alho e cebola. Coloque vinho branco, mexendo sempre até o álcool evaporar. Adicione uma concha de caldo de legumes, repetindo o processo até utilizar toda a quantidade de caldo solicitada na receita. Sirva com carne seca e salada de agrião com tomates.

Com este tipo de arroz, você vai ter um acompanhamento poderoso e afrodisíaco! Descubra também receitas de arroz de couve-flor para você se deliciar e inovar no dia a dia.

fonte Receiteria e Revista da Mulher

Fonte: http://feedproxy.google.com/~r/BlogDoArretadinho/~3/Tr9rZFfbtdY/conheca-os-beneficios-do-arroz-negro.html