Ir para o conteúdo

Luiz Muller Blog

Voltar a Blog
Tela cheia Sugerir um artigo

Declarações de empresários sobre desemprego assustam trabalhadores (Do Painel da Folha)

24 de Março de 2020, 11:37 , por Luíz Müller Blog - | No one following this article yet.
Visualizado 18 vezes

Sabe a Luta de Classes? Ela existe. E uma das partes joga sujo, se aproveitando pra fazer terrorismo e querendo dar a opção ao trabalhador, de decidir entre ter emprego ou ter saúde. Se por um lado sempre é assim, mas os trabalhadores não se dão conta, quando uma Crise como o Corona Vírus vem, as coisas ficam mais claras. Só não vê quem não quer. Dá uma lida no artigo a seguir Do Painel da Folha De São Paulo:

Declarações de empresários sobre desemprego assustam trabalhadores

Susto Dias antes da publicação,  no domingo (22), da Medida Provisória que vai mudar as relações  trabalhistas no estado de calamidade, cresceu a tensão de trabalhadores com receio de perder suas  vagas. Falas de empresários e altos executivos sobre o home office e o  efeito do coronavírus na economia pioraram o clima. Um dos que se  manifestou publicamente sugerindo que os funcionários deveriam ter medo  de perder o emprego foi Alexandre Guerra, sócio dos restaurantes  Giraffas.De pernas “Você que é funcionário, que talvez esteja  em casa numa boa, numa tranquilidade, curtindo um pouco esse home  office, esse descanso forçado, você já seu deu conta que, ao invés de  estar com medo de pegar esse vírus, você deveria também estar com medo  de perder o emprego?”, disse Guerra em vídeo divulgado nas redes  sociais.Para o ar Procurado pela coluna, o empresário afirma que, no vídeo, ele não se referia ao Giraffas e que não é o único sócio da rede.Tranquilo Guerra, que foi candidato ao governo do  Distrito Federal pelo Partido Novo em 2018, afirma que sua fala foi  feita em nome de uma rede de pequenos empreendedores da qual faz parte.  Segundo ele, o Giraffas vai atravessar a crise tranquilamente e as vagas  estão seguras.Deserção Entre funcionários do Santander,  reverberou durante o fim de semana uma declaração feita pelo presidente  do banco, Sergio Rial. Na sexta-feira (20), o executivo falou em  deserção para se referir a quem quis trocar o trabalho presencial pelo  home office na crise do coronavírus.Absenteísmo Procurado pela coluna, o Santander disse  que tem tomado ações para mitigar o impacto da pandemia, como  antecipação de 13º. “Dentro desse contexto, discutiu-se o cuidado  necessário que cada um deve ter com absenteísmo, dadas as diferentes e  compreensíveis reações humanas”, afirmou em nota.Expediente Luciano Hang, dono da Havan, postou nas  redes sociais um vídeo com o alerta: “Se perder o emprego, pode demorar  de cinco a dez anos para conseguir um novo. Para mim, Luciano, é muito  simples”, afirma ele.Praia O empresário diz que, apesar da crise, ele  teria dinheiro para ir para a praia. Mas teria de mandar 22 mil  colaboradores embora. “Um emprego no comércio são cinco empregos para  trás. Ou seja, se eu tenho 20 mil colaboradores hoje, eu tenho 120 mil  pessoas dependendo da Havan”, afirma o empresário.

https://luizmuller.com/2020/03/22/crime-em-video-empresario-ameaca-trabalhadores-e-faz-pouco-caso-do-corona-virus-2/ https://luizmuller.com/2020/03/23/dono-do-madero-diz-que-nao-se-pode-parar-a-economia-por-conta-de-5-ou-7-mil-pessoas-que-vao-morrer/
Fonte: https://luizmuller.com/2020/03/24/declaracoes-de-empresarios-sobre-desemprego-assustam-trabalhadores-do-painel-da-folha/

Novidades