Ir para o conteúdo
ou

Thin logo

#BlogueDoSouza

Gleise Hoffmann

Tacla Duran

Pimenta e Damous

EUA no Golpe

Guerra Híbrida no BR

Este Impeachment é golpe!

#BlogueDoSouza

Tela cheia
Magem capa redes sociais cidade futurista 5

BlogueDoSouza

3 de Abril de 2011, 21:00 , por Desconhecido - | No one following this article yet.
Licenciado sob CC (by)

Democratização da Comunicação, Reformas de Base e Direitos Humanos.


O caso Rosemary Noronha e a democratização da comunicação

28 de Novembro de 2012, 22:00, por Desconhecido - 0sem comentários ainda

"Dadas as condições materiais tipicamente de classe média de Rosemary Noronha e a vagueza das acusações de tráfico de influência - ainda mais contra uma agente radicada em São Paulo, longe do poder concentrado no Planalto Central - não se deve descartar a hipótese de que, assim como ocorreu com Erenice Guerra, com Luiz Gushiken e com Orlando Silva, trate-se, ao final, de mais um factoide para abastecer a mídia de manchetes escandalosas contra Lula e o PT. O modo como os jornais têm tratado as perfeitamente aceitáveis duas viagens oficiais ao ano efetuadas pela ex-secretária na última década chamando-as de "a volta ao mundo de Rosemary" – sugere exatamente isso." "Já vimos esse filme várias vezes, e a sensação de déjà vu é inevitável: se, ao final, a acusada for proclamada inocente, como aconteceu com os personagens citados, uma notinha escondida na página 11 será a compensação pela enxurrada de manchetes e reportagens televisivas. Os danos morais, a desqualificação...

Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.



Collor em plenário faz críticas à retirada de Veja e Gurgel do relatório da CPMI do Cachoeira

28 de Novembro de 2012, 22:00, por Desconhecido - 0sem comentários ainda

    Collor quer saber o que se passou nos dez dias entre o relatório que incriminava Gurgel e o coito de bandidos instalado na Veja, e versão final, amarelada. Que forças terríveis se manifestaram ? Veja o discurso que o senador Fernando Collor pronunciou da tribuna do Senado hoje ao saber que o relator da CPMI do Cachoeira (e do Robert(o) Civita) tinha amarelado. - “O que quer o Odair ao retirar do relatório final a incriminação ao brindeiro Gurgel e ao Chumbeta, o Caneta, esse Herói da Liberdade de Expressão?" Sr. Presidente desta sessão, Srªs e Srs. Senadores, a reunião de hoje, dia 28, da CPMI, foi destinada à leitura do relatório pelo Deputado Odair Cunha. Após uma acalorada discussão sobre os procedimentos regimentais a serem seguidos no tocante à discussão e votação do documento final, S. Exª, o Relator, antes de iniciar a leitura, estranhamente retirou as partes 6 e 7 de seu documento. Esses dois tópicos tratam exatamente do indiciamento do jornalista Policarpo...

Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.



História mal contada

25 de Novembro de 2012, 22:00, por Desconhecido - 0sem comentários ainda

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal, a Procuradoria-Geral da República (PGR) e os comentaristas da “grande imprensa” estão tão satisfeitos uns com os outros e tão felizes com a história que montaram sobre o “mensalão” que nem sequer se preocupam com seus furos e inconsistências. Para os cidadãos comuns, é daquelas que só fazem sentido quando não se tem muito interesse e basta o que os americanos chamam de big picture. Quando, por preguiça ou preconceito, ficam satisfeitos com o que acham que sabem, mesmo que seja apenas uma “impressão geral”. A história faz água por todos os lados. Se fosse preciso apresentá-la de forma simplificada (e dispensando as adjetivações raivosas típicas dos comentaristas de direita), ela conta que José Dirceu e José Genoino criaram um “esquema” entre 2004 e 2005 para desviar recursos públicos, comprar votos no Congresso e assim “perpetuar o PT no poder”. Para secundá-los, teriam montado uma “quadrilha”. Mas, e se alguém quisesse...

Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.



O monopólio midiático e de direita distorce a CPI do Cachoeira

22 de Novembro de 2012, 22:00, por Desconhecido - 0sem comentários ainda

É lamentável a abordagem que a grande imprensa faz do relatório final da CPI do Cachoeira. Sem pudor, a mídia avalia que pode inverter a verdade e desconhecer os fatos. Há um claro esforço coordenado nos jornais para tentar desqualificar o relatório de Odair Cunha. O Estadão, por exemplo, dedica-se a massacrar o relatório. O esforço começa no editorial, que chama a Comissão de “CPI do talião”. Dora Kramer é escalada para falar da “farsa da comissão”, classificando o pedido de indiciamento de jornalistas como “espetáculo burlesco”, embora esse ponto esteja fartamente documentado. O jornal também dá destaque para o governador de Goiás, Marconi Perillo, um dos indiciados, dizer que o relatório é político. Ora, a CPI teve a possibilidade de investigar a associação do crime organizado com um governo constituído - no caso o governo tucano de Goiás - apurando as ramificações e infiltrações dos negócios do empresário Carlos Cachoeira com a máquina pública comandada pelo...

Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.



O lançamento da campanha "Para Expressar a Liberdade" em Minas Gerais

22 de Novembro de 2012, 22:00, por Desconhecido - 0sem comentários ainda

No dia 28 de novembro será lançada a campanha “Para Expressar a Liberdade – Uma nova Lei para um novo tempo” em Minas Gerais. O comitê mineiro do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC) realizará o evento no Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais, às 19 horas, com a presença dos professores Emir Sader e Venício Lima para debate. Iniciativa do FNDC e diversos grupos e movimentos da sociedade civil, a campanha chama a atenção para a urgência em se discutir novas políticas comunicação para o país, em defesa da liberdade de expressão e do direito à comunicação. O lançamento contará com debates sobre os temas “Conselhos de Comunicação”, “Liberdade de Expressão”, “Marco legal para as comunicações no Brasil” e “Mídia e Poder”. Além dos professores Emir Sader e Venício Lima, participarão o radialista João Brant, do FNDC e Coletivo Intervozes, o jornalista Aloísio Lopes, e a professora Ana Paola Amorim. As mediação será realizada pela...

Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.



Tags deste artigo: democratização da comunicação direitos humanos marco civil da internet reforma política comissão da verdade reforma tributária reforma agrária pne projeto de lei da mídia democrática auditoria cidadã reforma urbana reforma do judiciário lei de acesso à informação discriminação racial portadores de necessidades especiais homofobia lei de meios plano nacional de educação Lula Livre Lula preso político golpe de 2016 privatização Guerra Híbrida lava jato Tacla duran petrobras Gleisi Hoffmann Eleições 2018 papa francisco