Ir para o conteúdo

News

Voltar a Economia
Tela cheia Sugerir um artigo

Morre, aos 86, Paul Singer, metalúrgico, sindicalista, economista e fundador do PT

16 de Abril de 2018, 22:50 , por Bertoni - | No one following this article yet.
Visualizado 82 vezes

Referência intelectual e moral da esquerda, Singer estava internado no Hospital Sírio-Libanês

Paul singerFoto: Antonio Cruz/ ABR - Agência Brasil

Morreu nesta segunda-feira (16), aos 86 anos, o economista Paul Singer. Ele estava internado no Hospital Sírio-Libanês desde a madrugada desta segunda e teve septicemia.

Singer era um dos integrantes do grupo que fundou o Partido dos Trabalhadores (PT) em 10 de fevereiro de 1980.

Nascido na Áustria, Singer veio para o Brasil com a família ainda pequeno, fugindo do regime nazista.

Na juventude atuou como metalúrgico e liderou a histórica greve dos 300 mil em São Paulo em 1953.

Em 1960 iniciou a carreira como professor na USP.

Publicou mais de 25 livros sobre temas como desenvolvimento econômico, classe operária e socialismo.

O economista, um dos pouquíssimos brasileiros que realmente conheciam a obra de Karl Marx, foi um dos responsáveis pela formulação de um programa de desenvolvimento que prestigia a distribuição de renda como motor da economia — um dos ideais pregados pelo PT.

Singer era um dos melhores exemplos daquilo que Antonio Gramsci definia como Intelectual Orgânico.

Paul Singer é pai do cientista político André, da jornalista Suzana e da socióloga Helena. Era viúvo da socióloga Melanie Berezovsky Singer, falecida em 12 de janeiro de 2012.

Em tempo: Tive o prazer de conhecer Paul Singer em 1986 quando organizei, junto com os companheiros do DACO (Diretório Acadêmico 14 de Outubro), o trote cultural para os calouros do IMES daquele ano. A palestra de Singer aconteceu dias depois da decretação do plano Cruzado. Até os professores de economia do IMES, alguns deles de direita, prestigiaram a palestra do ilustre companheiro economista.


Fonte: Bertoni

Notícias

News

Minha rede