Перейти к контенту

News

Full screen Suggest an article

Esportes

февраля 28, 2014 13:43 , by Blogoosfero - | No one following this article yet.

Brasil surpreende EUA em final de revezamento 4x100m e conquista vitória

мая 13, 2019 9:22, by Unknown

O Brasil anotou 38,05 segundos, 0,02 segundos à frente dos EUA, que contava com Justin Gatlin na equipe, no que foi a menor margem de vitória da história da competição.

Por Redação, com Reuters – de Yokohama

Paulo André Camilo de Oliveira levou o Brasil à vitória no revezamento masculino de 4×100 metros no IAAF World Relays em Yokohama, no Japão, neste domingo, ao terminar à frente de um forte quarteto dos Estados Unidos e da equipe britânica, campeões mundiais.

Paulo André Camilo de Oliveira levou o Brasil à vitória no revezamento masculino de 4×100 metros

O Brasil anotou 38,05 segundos, 0,02 segundos à frente dos EUA, que contava com Justin Gatlin na equipe, no que foi a menor margem de vitória da história da competição.

Dois centésimos de segundo também separavam as duas principais equipes no evento feminino de 4x100m, com os EUA superando a Jamaica e se classificando para o campeonato mundial em Doha, mais à frente no ano.

Os homens dos EUA foram mais lentos na final 4x200m do que nas baterias mais cedo no domingo, mas ainda se mostraram melhores que os adversários ao terminar na marca de 1 minuto e 20,12 segundos em uma noite gelada no Estádio Internacional de Yokohama.

Trocas descuidadas de bastão tiveram um custo para as equipes dos EUA e Jamaica no evento feminino 4x200m, permitindo que a França vencesse com 1 minuto e 32,15 segundos e tendo a China em segundo lugar, estabelecendo um recorde asiático de 1 minuto e 32,76 segundos.



MARACANÃ: A mina de ouro que ninguém consegue administrar

сентября 17, 2018 21:11, by Unknown

 

Estádio do maracanã from mountain

Fonte: Wikipedia

Maior e mais tradicional palco do futebol brasileiro, o Maracanã é um desafio na área de gestão esportiva. Mesmo recebendo os principais jogos do futebol brasileiro, sede da final da Copa do Mundo de 2014 e uma das principais arenas da olimpíada Rio 2016, ninguém consegue administrá-lo.

O estádio chegou a ficar fechado com a falta de iniciativa privada e pública para operá-lo. Há muito empurra-empurra de responsabilidade. Mas o problema é jurídico. Na semana passada, a Justiça cancelou a concessão. A decisão foi do juiz Marcello Alvarenga Leite, da 9ª Vara da Fazenda Pública.

A medida foi determinada em acolhimento a ação do Ministério Público fluminense. A alegação, coerente diga-se, é de que o Estádio Mário Filho foi erguido e reformado por recursos públicos. Só com a reforma para o Mundial 2014 foram consumidos R$1,2 bi. O “parceiro” privado entrou apenas na hora de administrar a obra pronta.

Em uma PPP, o ente privado financia o custo inicial da obra, tendo direito depois a operar o equipamento e a contraprestações do Poder Público. Foi assim que ocorreu nas arenas Fonte Nova  (em Salvador-BA), das Dunas (em Natal-RN).



Aves de Maio

мая 3, 2015 21:07, by paulo soavinski - 0no comments yet

Veja abaixo mais um lote das aves da Ilha do Mel, fotografados por Roseli e Walter:

As Gaivotas são avistadas seguindo barcos de pesca em busca de alimento e nas areias descansando.

A Saracura-três-potes quando percebe algum movimento estranho embrenha-se no mato rapidamente.

Ao passar pelas trilhas próximas ao morros é mais fácil ouvir a vocalização do Tangará do que vê-lo.

O casal de Caracará não se intimida com a presença dos turistas nas areias da Praia das Encantadas.

A Sabiá é considerada a ave símbolo do Brasil. Está presente em trilhas, jardins, praças, quintais e matas.



PRÓXIMO EVENTO: DESAFIO DA BUTUCA NA ILHA DO MEL

марта 8, 2015 6:00, by paulo soavinski - 0no comments yet
Logonata23km big
from мая 29 to 30, 2015 http://www.amazingruns.com.br Curitiba Paraná

  Nos dias 30 e 31 de maio, a paradisíaca Ilha do Mel recebe o Desafio Ilha do Mel, prova de corrida do Circuito Amazing Runs com três distâncias em dois dias de evento...



O que se perdeu na copa?

сентября 22, 2014 12:31, by Rafael Pisani Ribeiro - 0no comments yet

 

Pois bem, foi feito um texto abordando a temática da repressão, um relacionado ao comércio e agora esse que pretende tratar das questões mais gerais da copa. Aquelas coisas que passaram despercebidas ou apareceram distorcidas. Parece que é tarde para falar sobre isso, mas na verdade o assunto não pode passar. Não deve, porque do contrário tornar-se-á campo da trivialidade. Bem, a primeira delas com certeza é a noção de segurança social.

 

Se penso em segurança social, penso em poder sair tranquilamente sem ter ruas fechadas por ninguém, muito menos pelo polícia e sem ter de mostrar a identidade onde quer que vá. Tendo também caso deseje, a liberdade de filmar a ação policial, pois ao menos em tese ela é justa, e se a segurança pública existe para me proteger, porque tenho de me sentir privado de filmar a ação? Medo de filmar a ação? Opressão? Só se ela estivesse sendo realizada de modo errado. Sobre isso vou me abster por agora, pois a cerca desse assunto o segundo texto já falou bastante. Outra coisa que chamou atenção foi a tal máfia de ingressos ilegais.

 

Foi divulgada amplamente uma [1]máfia de ingressos da copa que ganhavam milhões com isso. Não que seja a favor ou contra esses vendedores, o ponto é que a forma como foi colocada os definiu como bandidos, foras da lei enquanto a FIFA saiu como santa. Primeiro porque a FIFA também ganha milhões com os ingressos, e de forma legal, fazendo com que só a classe alta possa ir aos jogos com ingressos caríssimos.( O que de forma nenhuma é negativo para a FIFA, afinal, é muito bom lotar os estádios de burgueses que não tem opções melhores para gastar seu dinheiro.) Segundo porque eles estavam fazendo a mesma coisa que a FIFA, mas fora da regra adotada. Nesse sentido a FIFA fez pior, porque entrou em um país, ditou suas regras dentro do país, pegou um pedaço dele para ela, isto é, o território FIFA e ainda fez a força policial do país trabalhar para ela. Dessa forma ela só tornou seu jogo “legal”, dentro da lei. Na verdade ela fez a lei. Quem dirá a [2]lei geral da copa não?

 É preciso ainda tratar de dois fatos: as [3]vaias à Dilma e a derrota do Brasil ligada à eleição.

As vaias vieram de um público específico, um público de classe alta, ou artistas que entraram de graça. Bem, todos têm direito a opinião, a vaia foi um problema, mas não o pior. O que é mais complicado é tirar disso uma generalização de representação do povo Brasileiro. Primeiro ela não é válida pelo público que a fez, segundo pela quantidade de pessoas.  Isso só mostrou como a mídia estava apoiando Aécio na campanha, e fez de tudo para derrubar Dilma tentando defender seu candidato. A mesma relação se dá com a derrota do Brasil para a Alemanha de 7 a 1. O próprio Aécio disse que Dilma [4]pagaria pela eliminação do Brasil. Ai a derrota é misturada com questões políticas diretas. Como diria Saul Leblon[5] :“A disputa pelo imaginário brasileiro ganhará decibéis redobrados a partir de agora, na tentação rastejante de  transformar  a humilhação esportiva  na metáfora de um Brasil  corroído pelo ‘desgoverno petista.” Até onde o conhecimento geral vai não é critério para ser Presidente, entender de futebol, muito menos treinar jogadores, quem dirá a nível mundial. Se falamos de copa, porque não falar em vidas?

 

Ainda antes da semi final acontece a maior tragédia. Neymar quebra o joelho! Começa uma comoção no Brasil, todos deixando abraço, boa sorte e com pena porque não vai jogar na semifinal. Tadinho! O pior é que ele não estava nem ligando, já havia ganhado o dele. O mais triste? Tanto a derrota quanto a lesão abafaram um drama ainda maior- a queda do viaduto em Belo Horizonte[6]. Várias pessoas morreram, pessoas perderam entes queridos. Enfim, vidas em jogo. Como um jogo e uma lesão podem valer mais que várias vidas?

 

 Lembrem- se de referenciar a fonte caso utilizem algo deste blog. Dúvidas, comentários, complementações? Deixe nos comentários.

 Escrito por: Rafael Pisani

 

Referências:

 

Disponível em: http://blogdotarso.com/2014/06/12/vaias-e-xingamentos-contra-dilma-vieram-da-area-vip-com-ingressos-a-r-990-e-cortesias-para-artistas-globais/ Breno Tarso/ http://blogdotarso.com . Data de acesso: 13 de Agosto de 2014

 

 

Disponível em: http://blogoosfero.cc/news/blog/a-derrota-e-a-disputa-pelo-imaginario-brasileiro  Saul Leblon/ http://blogoosfero.cc . Data de acesso: 13 de Agosto de 2014

 

Disponível em: http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2014/07/entenda-mafia-de-ingressos-da-copa.html G1/ http://g1.globo.com . Data de acesso: 13 de Agosto de 2014

 

Disponível em: http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticias/noticia/2014/07/engenheiro-aponta-risco-de-nova-queda-em-viaduto-de-belo-horizonte-4558096.html ZH/ http://zh.clicrbs.com.br . Data de acesso: 13 de Agosto de 2014

 

Disponível em: http://www1.folha.uol.com.br/poder/2014/07/1483913-governo-dilma-pagara-pela-eliminacao-do-brasil-diz-aecio-neves.shtml Diógenes Campanha ./ http://www1.folha.uol.com.br . Data de acesso: 13 de Agosto de 2014

 

Disponível em: http://www.portalpopulardacopa.org.br/index.php?option=com_k2&view=itemlist&task=tag&tag=Lei%20Geral%20da%20Copa Licio Monteiro/ http://www.portalpopulardacopa.org.br . Data de acesso: 13 de Agosto de 2014

 



Notícias

News

Моя сеть