Ir para o conteúdo

News

Tela cheia Sugerir um artigo

Política

25 de Fevereiro de 2014, 16:14 , por Blogoosfero - | No one following this article yet.
Licenciado sob CC (by)

Projeto AMPLO-- Sistemas Anticorrupção

15 de Outubro de 2015, 17:43, por Projeto A.M.P.L.O. -- Alternativa a MercaDeus Procurando Liberdade Original

-- Recapitulando.. Qual a nossa missão? 

-- Devemos, criar  divulgar e incentivar iniciativas que contenham  informações reveledoras e projetos para criação de sistemas anticorrupção, antídotos mentais e fisícos de combate a corrupção.


-- Por onde começaremos a analisar..?

-- Por organizações e pessoas com muito poder de influência que prometam, democracia, liberdade de expressão, informação, imparcial, promessas e palavras bonitas que no geral são como drogas, viciam e enganam.. Na busca de soluções vamos ver as que já foram apontadas e abafadas pela midía.

-- Entendi...

TEMPOS DEPOIS

-- E ai acharam alguma coisa?

-- Sim. Achei um blog que fala a respeito...

https://intervencaocivil.wordpress.com



#TAMOJUNTODILMA

24 de Agosto de 2015, 20:49, por Sol do Vale Emerenciano Barbosa

#nãovaitergolpe



Quem Me Representa?

13 de Agosto de 2015, 12:38, por Thiago

Iniciativas como esta fazem sucesso com cidadãos brasileiros para autoconhecimento de suas opiniões políticas e encontrar quem mais lhes representa: http://qmrepresenta.com.br/

 Quem Me Representa foi desenvolvido no terceiro Hackfest Analytics da Universidade Federal de Campina Grande, na Paraíba (UFCG/PB).



Sobre o impedimento à presidencia da república e a situação atual

9 de Agosto de 2015, 9:57, por Pedro Alem Santinho

Tenho a certeza que muitos sabem quem é Aluísio Nunes. Senador pelo PSDB do Estado de São Paulio. Alem disso é um  ex-militante do PCB, atuou junto com Carlos Marighela, era chamado de Mateus. Dirigia e fazia também sua segurança. Penso que seja óbvio que nunca foi um agente menor na política. Penso mesmo que todos consigam imaginar que era alguém de confiança.

Penso que para a análise da situação atual é fundamental que lembremos de suas analises nos últimos meses:

“Collor era um político sozinho, sem partido e teve um comportamento pessoal chocante, como presidente. Era um personagem burlesco no poder. Dilma tem respeitabilidade pessoal, tem um partido e tem o apoio de movimentos sociais", afirmou.

Disse também: "Muita gente no PMDB está excitada com a hipótese de a Dilma sofrer impeachment e o Temer assumir. Talvez seja o ideal para o Lula. A gente entra no governo, e ele fica livre para fazer oposição e sair candidato em 2018".

Ainda sobre a questão do golpe afirmou:

“Golpismo é quando se dá um movimento contrário à Constituição ou às instituições. Vamos aguardar com muita serenidade as decisões do Tribunal de Contas da União, do Tribunal Superior eleitoral e, se for o caso, do Supremo Tribunal Federal. O que há de golpismo nisso? São as instituições funcionando. É natural que o PT na defesa que faça lance essa imagem de golpismo, que não existe. A ordem constitucional traz remédios para resolver problemas que porventura surjam”, afirmou na entrevista.

Para mim tudo fica muito claro, inclusive a posição da Globo, Fiesp e FIERJ. Nada de Novo no Front.

A condição para a vitória da classe trabalhadora continua sendo sua organização independente. E a condição é derrotar os setores burgueses mais atrasados.



Observações sobre a esquerda

5 de Agosto de 2015, 10:08, por Pedro Alem Santinho

Estou um pouco preocupado com a rasterice das discussões que "as esquerdas" tem feito no último período. Acho que diversos partidos, tendencias e organizações que se colocam a esquerda no espectro político nacional estão míopes, ou, têm desenvolvido uma tática que me arrojo a dizer está no mínimo estranha diante da conjuntura.

Vejamos algumas ausencias:

É sabido, público e notório, que a CIA, e outras agencias de inteligências internacionais, atuam a soldo de seus governos na política internacional.

É sabido, público e notório, para se encontrar em qualquer livro didatico aprovado pelo MEC que a CIA atuou para desestabilizar o governos que não lhes foram 100% serviçais em toda a America Latina. E aqui é preciso dizer a coisa de maneira clara. A CIA não atuou apenas contra governos de "esquerda", ou nacionalistas, mas contra qualquer um que não estava totalmente a interesses de fraçam de suas elites. E mais, é preciso saber, que a CIA ja atuou, inclusive contra seus governos, pois ela é uma agencia com independente, isto quer dizer, que ela não é escolhida pelo presidente e desta forma pela fração da burguesia que governo. E atualmente é sabido que tem exercido esse direito legal de maneira mais clara. Inclusive por isso a NSA, outra dessas agencias de inteligencias, tem servido cada vez mais aos mesmos objetivos de política internacional atuando mais diretamente a fração governista dos EUA.

É sabido que a CIA desestabilizou os governos de João Goulart e de Salvador Allend com métodos conhecidos como Covert Action e Spoling Actions. Sabotagens econêmicas e materiais, infintrações de agentes em organizações de diversos carizes politicos, propaganda e contrapropaganda. Criação de ongs e institutos de apoio e financiamento aos "estudos" dos grupos de direita.

É sabido que a burguesia, mesmo que sendo uma única classe mundial, tem suas frações nacionais, inclusive com interesses contraditórios, e suas frações internacionais. É sabido que não há um superimperialismo que tudo domina, e também, que não há uma superburguesia que tudo controla.

É sabido que a única politica que interessa ao proletariado nacional e internacional deve prever sua independencia e ação politica organizada e consciente.

É sabido que cada luta serve ao trabalho de consciencia dos trabalhadores e em particular das classes oprimidas, sim, isso mesmo, classes no plural, mais do que qualquer "processo" de educação não formal pela educação popular. No entando mais sabido ainda é que a condição para isso é que não se escondam os interesses táticos com afirmações sem fundamento, ou simplórias, do tipo esse governo interessa a burguesia e blablabala. Isso é sabido, o estado é burgues, logo não haverá governo que não lhe interessa e lhes preste seus serviços, ao menos a uma das suas frações, desta maneira é preciso explicar de maneira mais clara. A questão é qual fração, e diante de cada analise, qual tarefa cabe ao comunistas, fração mais resoluta do proletariado internacional, qual tarefa cabe as outras frações das classes oprimidas. E mesmo o lugar que ocupará as frações da burguesia nacional e internciona. Sem explicar estas questões o simplismo, a expicação simplória em nada serve a luta nacional e internacional dos trabalhadores. Serve apenas aos grupos e agrupamentos e seus parcos interesses imediatos.

Fico assombrado com miltantes simplistas afirmando-se revolucionários que não se colocam questões. Que comem com farinha seca a pior das analises com o simples objetivo de ganhar um desavisado critico do governo e com isso conquista um voto ou apoiador

Assim vamos longe, bem longe de avançar.



Notícias

News

Minha rede