Перейти к контенту

Terra Sem Males

Назад в Blog
Full screen Suggest an article

Estudantes do Pronera fazem um convite especial ao ex-presidente Lula

мая 25, 2019 18:34 , by Terra Sem Males - | No one following this article yet.
Viewed 19 times

A turma Nilce de Souza Magalhães, do Programa Nacional de Educação da Reforma Agrária (Pronera) de Direito da Universidade Federal do Paraná (UFPR), esteve neste sábado (25) na Vigília Lula Livre, em Curitiba, para fazer uma saudação e um convite especial ao ex-presidente: o de estar presente na cerimônia de formatura dos futuros advogados e advogadas populares, que acontecerá no dia 17 de dezembro de 2019. A vigília também foi escolhida como local das fotos oficiais dos convites dos educandos e educandas.

A turma – que leva o nome de uma ex-militante do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) assassinada em 2016 – é composta por 47 estudantes de 16 estados, selecionados pelo Sistema de Seleção Unificada (SiSU). Todos pertencem a movimentos sociais de luta pela terra e comunidades tradicionais. São assentados e assentadas da reforma agrária, filhos e filhas de pequenos agricultores, beneficiários de créditos fundiários e quilombolas. “É muito simbólico e significativo estar aqui neste momento. Nós chegamos em 2015 em Curitiba, vindos de várias regiões do país. É um orgulho estar aqui neste momento após vários obstáculos superados”, destacou a estudante Ana Paula Hupp.

A educanda Iara Sánchez fez a leitura de uma carta que narra a trajetória da turma Nilce de Souza até este momento de aproximação do encerramento da graduação e que aborda a conjuntura política desde a formação da turma em 2015, passando pelo golpe contra a ex-presidenta Dilma Rousseff e a consequente retirada de direitos da classe trabalhadora por parte dos golpistas e que culmina na prisão política de Lula.

A participação do sistema judiciário no golpe também é destacada pelos futuros advogados e advogadas. “Neste mesmo período tivemos nos mesmos corredores que o juiz Sergio Moro, um dos principais responsáveis por essa injustiça. Apesar disso seguimos na resistência e denunciando a contrariedade a esse golpe com participação do sistema judiciário”, diz trecho da carta.

A cerimônia de formatura não será apenas um momento de celebração, mas também de um grande ato político de denúncia e resistência. Já o convite à Lula, segundo os estudantes, deve-se ao reconhecimento do seu legado na educação e no avanço dos direitos sociais. “Certos de sua inocência, esperamos encontrá-lo livre no meio do povo. Um grande abraço da turma Nilce de Souza Magalhães”, encerra a turma na carta ao ex-presidente.

O documento foi recebido pela coordenação da Vigília Lula para ser entregue em mãos ao ex-presidente Lula. “Vocês que serão futuras advogadas e advogados têm o desafio de desmistificar a farsa da Lava Jato e propagandear nos quatro cantos do Brasil, de onde vieram, essa conquista da classe trabalhadora que foi o Pronera”, destacou Neudicléia de Oliveira, da coordenação do espaço.

Sobre o Pronera

O Programa Nacional de Educação da Reforma Agrária foi criado em 1998 por meio de uma portaria do governo federal. Em 2001, ele foi incorporado ao Incra. Por meio dele, jovens e adultos de assentamentos e comunidades tradicionais tiveram acesso a cursos de educação básica, técnicos profissionalizantes de nível médio e cursos superiores e de especialização, garantindo aos trabalhadores assentados da reforma agrária o acesso ao direito à educação no país.

As ações do programa têm como base a diversidade cultural e socioterritorial, os processos de interação e transformação do campo, a gestão democrática e o avanço científico e tecnológico. Segundo o Incra, 5,9 mil pessoas já acessaram o ensino superior (graduação e pós-graduação) devido ao Pronera. Pelo menos 49 instituições públicas de ensino superior já abrigaram turmas de educação superior amparadas no programa, em diversas áreas de conhecimento.

O processo de constituição da turma especial de Direito da UFPR iniciou em 2011, tendo como base uma experiência do Pronera com uma turma de Direito na Universidade Federal de Goiás (UFG). Além da turma de Direito, a UFPR participa do Pronera por meio de uma turma de licenciatura em Educação do Campo com habilitação em Ciências da Natureza, no Setor Litoral.

Por Júlio Carignano, Porém.Net

Foto: Joka Madruga/Terra Sem Males


Источник: http://www.terrasemmales.com.br/estudantes-do-pronera-fazem-um-convite-especial-ao-ex-presidente-lula/