Ir para o conteúdo
ou

Blogoosfero
beta

Verdade ou Mentira?

Seja curioso, não entre...

 Voltar a Verdade ou mentira
Tela cheia

Teorias psicológicas- o estruturalismo de Wundt

17 de Abril de 2014, 18:53 , por Rafael Pisani Ribeiro - 0sem comentários ainda | No one following this article yet.
Visualizado 1300 vezes
Licenciado sob CC (by-nc-sa)

 

Para falar sobre a origem da Psicologia até a formação das outras teorias, antes é preciso explicar a origem de Wundt. Ele foi o responsável por tornar a Psicologia científica através da Psicologia experimental e o pioneiro ao torná-la uma disciplina separada de outras. Isto é, antes dele a Psicologia estava ligada à filosofia, fisiologia e outras disciplinas [1], sendo sempre incluída nelas.

Quando Wundt iniciou em seu laboratório de Leipzig (1879[2]) os primeiros estudos em Psicologia ele a considerava um misto entre Ciências naturais e Ciências da cultura. Afirmava que o objeto de estudo da Psicologia era a experiência imediata, isto é, a experiência antes de ter a consciência dela, sendo o conteúdo objetivo chamado de experiência mediata.

Os métodos eram os mesmos das Ciências naturais como à observação e o experimento. Resultando em métodos de pesquisa da observação dos produtos mentais e análise experimental nos processos mais simples. Ele também se dedicou em sua psicologia cultural [3] a pesquisar a linguagem, religião, costumes, mitos, magia e fenômenos semelhantes, considerando que não podiam ser explicados em termos de consciência do indivíduo. Apesar disso o maior método de pesquisa em laboratório era a introspecção.[4]

Ela consistia em descrever as percepções resultantes de estímulos visuais, auditivos e tácteis por sujeitos treinados por ele mesmo. Sua forma de ser feita era mais quantitativa que qualitativa, sendo usada nesse sentido pelos seus alunos Tichener e Kulpe. Enquanto Wundt utilizava um metrônomo  para medir as relações fisiológicas[5] seus alunos faziam experimentos  produzindo assim julgamentos conscientes acerca do tamanho, intensidade e duração de estímulos fisicos.[6] Sua formação em química o inspirou a pensar nos átomos e decompor a mente em seus elementos mais simples- as sensações.[7] No fim o objetivo da psicologia  de Wundt era estudar a consciência e os processos mentais.[8] Outra parte importante é sua formação em Medicina.

Essa formação o influenciou a se utilizar da Fisiologia em sua Psicologia. Quando o indivíduo era enfocado para dentro era Psicologia, para fora fisiologia e isso o levou a dividir sua Psicologia em Psicologia fisiológica e psicologia social  e embora fossem projetos independentes eram relacionados.[9] Na introspecção tinha-se de fazer a divisão entre sensação e sentimento, sendo sensação quando um órgão dos sentidos recebia um estimulo e esse era enviado ao cérebro. Sentimento a componente subjetiva da sensação colocando a emoção como um conjunto complexo de sentimentos. 

Afirmava também que a mente não é a mera soma de seus componentes, mas sim algo novo formado dela.[10] Por seus estudos terem abrangido os domínios da percepção, sentidos, sensação, atenção, associação e reação por contribuição tão grande foi considerado por muitos como o pai da psicologia experimental.[11]O objetivo da Psicologia de Wundt era estudar a consciência e os processos mentais [12], através da redução da mente aos seus mais simples elementos- as sensações. Assim era chamada de Psicologia estruturalista e gerou a Psicanálise, que foca o estudo do inconsciente.

Lembrem-se de referenciar a fonte caso utilizem algo deste blog. Dúvidas, comentários, complementações? Deixe nos comentários.

Escrito por: Rafael Pisani

Referencias:

A Psicologia no Brasil; Antonio Rodrigues Soares-conselheiro federal;  Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-98932010000500002 . Local de publicação: PSICOLOGIA: Ciência e Profissão; dezembro de 2010, volume 30 numero especial. Brasília/RS-Brasil;  Data de acesso: 24 de fevereiro de 2014

Disponível em: http://caminhodapsicologia.webnode.com.pt/wundt/ Adriana Lopes e Andréia Nicolau/ http://psitendenciagrupal.blogspot.com.br  . Data de acesso 23 de fevereiro de 2014

Disponível em: http://www.portaleducacao.com.br/educacao/artigos/12402/wundt-da-psicologia-experimental-fisiologica-a-psicologia-dos-povos  colunista portal educação/ http://www.portaleducacao.com.br. Data de acesso 23 de fevereiro de 2014

Disponível em: http://psicologado.com/psicologia-geral/historia-da-psicologia/wundt-e-a-criacao-do-primeiro-laboratorio-de-psicologia-na-alemanha Joviane moura/ http://psicologado.com. Data de acesso 23 de fevereiro de 2014

Disponível em: http://psicologiaxxi.blogs.sapo.pt/941.html PSICOLOGIAXXI/ http://psicologiaxxi.blogs.sapo.pt. Data de acesso 23 de fevereiro de 2014


[1]Fonte das disciplinas onde era incluída: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-98932010000500002

[2] Fonte da data:  http://www.portaleducacao.com.br/educacao/artigos/12402/wundt-da-psicologia-experimental-fisiologica-a-psicologia-dos-povos

[3] Fonte da psicologia cultural: http://psicologiaxxi.blogs.sapo.pt/941.html

[4] Fonte de todo o resto que não foi marcado: http://psicologado.com/psicologia-geral/historia-da-psicologia/wundt-e-a-criacao-do-primeiro-laboratorio-de-psicologia-na-alemanha

[5] Fonte de Wundt utilizar um metrônomo: http://psicologiaxxi.blogs.sapo.pt/941.html

[6]Fonte de como seus alunos utilizavam a introspecção: http://caminhodapsicologia.webnode.com.pt/wundt/

[7] Fonte: http://caminhodapsicologia.webnode.com.pt/wundt/

[8] Fonte do objetivo da psicologia de Wundt: http://psicologiaxxi.blogs.sapo.pt/941.html

[9] Psicologia social aqui não se refere a termologia moderna de psicologia social, e sim para Wundt que deram origem ao que pode-se chamar de psicologia social e comunitária atualmente. Fonte: http://www.portaleducacao.com.br/educacao/artigos/12402/wundt-da-psicologia-experimental-fisiologica-a-psicologia-dos-povos

[10]Fonte da formacao em medicina: http://psicologiaxxi.blogs.sapo.pt/941.html

[11] Fonte da abrangência dos estudos e consideração do pai da psicologia experimental: http://caminhodapsicologia.webnode.com.pt/wundt/

[12] Fonte do objetivo da psicologia de Wundt: http://psicologiaxxi.blogs.sapo.pt/941.html


Tags deste artigo: teorias psicológicas

0sem comentários ainda

    Enviar um comentário

    Os campos realçados são obrigatórios.

    Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.