Ir para o conteúdo

Motta

Voltar a Crônicas do Motta
Tela cheia

Xô, trolls, xô!

24 de Abril de 2014, 23:24 , por Desconhecido - 0sem comentários ainda | No one following this article yet.
Visualizado 18 vezes
"Pare de dizer besteira... que papo é esse de imprensa, de estratégia de direita e bla, bla, bla. Porra, o PT está detonando com o Brasil e só cego não vê. Querem continuar mamando, mentindo, enganando, dizendo que não sabem de nada, que é pro bem do povo pobre... É sacanagem pura com tudo o que é honesto neste país. Não vêm com essa de direita, de oligarquia, burguesia, que não cola mais. O PT é um bando de aproveitadores e ponto final, que têm que sair e dar lugar para qualquer um, que possa repensar o Brasil legítimo e realmente democrático."

O comentário acima foi um dos que recebi pela croniqueta "A onda pessimista", publicada terça-feira neste espaço.
Como ele vários outros foram enviados, anonimamente, usando uma linguagem bastante parecida em seu furor contra o governo, contra o PT - e contra este humilde cronista. 
Parecem ter saído do mesmo forno, tal a semelhança de estilo.

O interessante é que, no seu destrambelhamento, os textos confirmam não só aquilo a que a crônica se referia - a tentativa da imprensa-empresa de mostrar que o Brasil está à beira da ruína graças ao governo trabalhista -, mas outras aqui publicadas sobre essa praga que infesta a internet, adequadamente chamada de "trolls".
Sei que muitos - talvez a maioria - desses péssimos escribas se dedicam ao desabonador ofício de xingar, ofender, espalhar mentiras e calúnias e desrespeitar os mais singelos sinais de civilidade e educação por dinheiro.
Alguns até acreditem no que regurgitam - esses são os piores.
Os que se vendem eu até entendo.
Fazem isso para sobreviver neste mundo capitalista que tanto louvam.
São orientados, recebem ordens, para escrever os disparates que anonimamente, ou com falsas identidades, enviam de modo alucinado para qualquer site que aceite comentários.
É a tática de ocupar espaço, de mostrar uma força que não possuem, de fingir uma preocupação pelo país que não têm - uma versão fascista do velho "agitprop" comunista.
Já quanto aqueles que acreditam nas imbecilidades que disseminam, esses, realmente só merecem pena, pela estupidez que demonstram.
Se tivesse em mim o espírito de piedade cristã, os perdoaria sob a justificativa de que "eles não sabem o que fazem".
Mas como sou um velho descrente de quase tudo, quero mais que eles vão para o inferno, se esse local de eterno suplício existir, ou, se não, que afundem no lodaçal de sua completa ignorância.
Já informei várias vezes que este blog não é jornalístico. 
E que só serão publicados comentários que não estimulem o preconceito de qualquer espécie, ofendam, injuriem ou difamem quem quer que seja, contenham acusações improcedentes, preguem o ódio ou a violência.
Para a infelicidade dos trolls, sei muito bem distinguir um comentário de uma provocação - que será excluída sem a menor cerimônia.
Este é um espaço para pessoas civilizadas.
Uma outra coisa que talvez desaponte esses arruaceiros: não pretendo convencer ninguém das minhas posições políticas ou ideológicas ou sobre seja lá o que for. 
Cada um pensa o que quiser, faz o que bem entender.
Passei da idade de ficar discutindo para ver meu ponto de vista se sobrepor ao do outro.
Se há hoje algo importante para mim é o tempo.
Não quero desperdiçá-lo à toa.
Fonte: http://cronicasdomotta.blogspot.com/2014/04/xo-trolls-xo.html

0sem comentários ainda

    Enviar um comentário

    Os campos realçados são obrigatórios.

    Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.

    Cancelar

    Motta

    0 comunidades

    Nenhum(a)