Ir al contenido

Correio do Brasil

Regresar a CdB
Full screen Sugerir un artículo

CET-Rio ganha reforço de mulheres motociclistas para controle do tráfego na cidade

enero 12, 2021 14:45 , por Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Viewed 13 times

A CET-Rio incorporou ao seu quadro de operadores de tráfego as duas primeiras mulheres motociclistas. As novas funcionárias começaram a atuar na segunda-feira e vão trabalhar no trânsito, como nos bloqueios de vias, em cruzamentos, quando houver enguiços ou acidentes e na orientação aos motoristas em geral.

Por Redação, com ACS – do Rio de Janeiro

A CET-Rio incorporou ao seu quadro de operadores de tráfego as duas primeiras mulheres motociclistas. As novas funcionárias começaram a atuar na segunda-feira e vão trabalhar no trânsito, como nos bloqueios de vias, em cruzamentos, quando houver enguiços ou acidentes e na orientação aos motoristas em geral.

As novas operadoras de tráfego da CET-RioAs novas operadoras de tráfego da CET-Rio

Em seus 32 anos de existência, o órgão municipal nunca havia contratado funcionárias do sexo feminino para atuarem dessa forma. A ideia da companhia é aumentar a diversidade para que, ao longo do tempo, o gênero não seja uma barreira de contratação e, assim, poder absorver mais trabalhadoras nessa função.

Elas começaram seu trabalho às 6h, organizando o trânsito próximo ao Túnel Rebouças, umas das principais vias de acesso ao Centro e à Zona Sul do Rio. Para a Presidente da CET-Rio, Simone Costa, as duas novas funcionárias da companhia representam um marco para a instituição:

– Ter mulheres controladoras de tráfego é muito simbólico para o dia a dia da cidade. Elas já são inspiração para outras mulheres e meninas.

Subprefeituras na Zona Oeste

A Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Mulher começou a percorrer as subprefeituras da cidade para mapear espaços adequados ao atendimento das cariocas. As visitas às unidades tiveram início na semana passada, pela Zona Oeste. A secretária Joyce Trindade e sua equipe foram à subprefeitura de Jacarepaguá e às Regiões Administrativas de Bangu, Campo Grande e Santa Cruz, da Subprefeitura da Zona Oeste. As unidades do Centro e das zonas Norte e Sul também estão na rota da pasta.

A secretaria planeja oferecer oficinas de capacitação financeira, profissional e sobre direitos, além de assessoramento jurídico e apoio psicológico nas Subprefeituras e em outros espaços cedidos. A ideia é aproximar as mulheres desses serviços e ampliar o atendimentos que atualmente é feito pelas Casas da Mulher Carioca em Madureira e Realengo e no Centro Especializado de Atendimento à Mulher, no Centro.

Talita Galhardo, Subprefeita de Jacarepaguá, e Edson Menezes, Subprefeito da Zona Oeste, se colocaram à disposição para aproximar as ações da Secretaria das comunidades da região, colaborando com o levantamento de dados e disponibilizando espaços na Subprefeituras e Regiões Administrativas.

Secretaria Aberta

Em Campo Grande, com apoio da Subprefeitura da Zona Oeste, foi realizada a primeira roda de conversa com lideranças comunitárias e movimentos sociais da região com a Secretária Joyce Trindade. Um diálogo fundamental para iniciar a aproximação e a criação de uma Secretaria Aberta, atenta às necessidades locais e com transparência.

Foram levantadas as necessidades de ações articuladas com a educação, cultura e saúde, além de ações de apoio e fortalecimento das mulheres agricultoras da cidade, muito presentes em territórios urbano-rurais da Zona Oeste.

Estiveram presentes 22 mulheres de mais de 15 coletivos e movimentos da região.


Origen: https://www.correiodobrasil.com.br/cet-rio-ganha-reforco-mulheres-motociclistas-controle-trafego-cidade/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias