Ir para o conteúdo

Correio do Brasil

Voltar a CdB
Tela cheia Sugerir um artigo

Estados Unidos comemorarão Halloween apesar de coronavírus

26 de Outubro de 2020, 12:54 , por Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 15 vezes

Em um Halloween típico, Sarah Schwimmer atenderia a porta e colocaria doces nas mãos estendidas de praticantes da tradição “gostosuras ou travessuras”, mas neste ano lançará as guloseimas por um tubo de três metros de comprimento, seu sistema de distribuição criado para manter o distanciamento social exigido pela covid-19.

Por Redação, com Reuters – de Nova York

Em um Halloween típico, Sarah Schwimmer atenderia a porta e colocaria doces nas mãos estendidas de praticantes da tradição “gostosuras ou travessuras”, mas neste ano lançará as guloseimas por um tubo de três metros de comprimento, seu sistema de distribuição criado para manter o distanciamento social exigido pela covid-19.

Sarah Schwimmer é fototografada ao lado do tubo por onde pretente entregar doces para crianças e manter o distanciamento socialSarah Schwimmer é fototografada ao lado do tubo por onde pretente entregar doces para crianças e manter o distanciamento social

– As crianças, tudo mudou para elas, então qualquer coisa que possamos fazer para manter essa alegria é importante – disse Schwimmer, moradora de 54 anos de Lawrenceville, em Nova Jersey.

Infecção de covid-19

O Centro para Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC) desaconselhou as atividades tradicionais do Halloween norte-americano, que são consideradas de “alto risco” de infecção de covid-19, o que inclui casas mal-assombradas, passeios de carroça sobre fardos de feno com pessoas de fora da família e “contato direto com praticantes das ‘gostosuras ou travessuras’”.

Gritar, de alegria ou medo, é um comportamento de risco durante o feriado de 31 de outubro em homenagem a fantasmas e duendes, observou o CDC, defendendo o distanciamento social e o uso de máscaras para diminuir o risco de disseminação do vírus respiratório.

Algumas cidades grandes, como Los Angeles, e mesmo pequenas, como Longmeadow, no Massachusetts, simplesmente proibiram as buscas por “gostosuras ou travessuras”.

Como os casos de coronavírus passaram de oito milhões nos EUA, a Associação de Halloween e de Fantasias, em parceria com o Instituto de Saúde Global de Harvard, publicou um mapa da covid-19 com código de cores no país para ajudar os pais a determinarem o nível de risco em sua comunidade local.


Fonte: https://www.correiodobrasil.com.br/estados-unidos-comemorarao-halloween-apesar-coronavirus/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias