Aller au contenu

Correio do Brasil

Retour à CdB
Plein écran Suggérer un article

Foi demonstração de fraqueza, não de força

March 22, 2019 11:28 , par Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Viewed 68 times

O show temerário pode ser a gota que fará transbordar o copo do autoritarismo. Foi uma demonstação de fraqueza, não de força. É hora de quebrarmos o primeiro pé do tripé bolsonarista.

Por Celso Lungaretti, de São Paulo:

prisão preventiva do ex-presidente Michel Temer foi praticamente uma reprise da de outros famosos da política: espalhafatosa e discutível.

Querem tomar as terras dos índios
Os motivos jurídicos arguidos pelo juiz afinado com o lava-jatismo são inconsistentes e não passam do que, na linguagem das ruas, chamamos de forçação de barra. Das mais tortuosas, por sinal.
O timing da operação revela uma clara disposição de o lava-jatismo dar o troco para quantos o contestavam, agora que está vulnerabilizado por seus fracassos recentes, com destaque para a escandalosa tentativa de obter ilegalmente uma base econômica para suas ambições maiores.

Tudo leva a crer que, pelo contrário, acirrará a reação dos que não aguentam mais suportar essa chocante espetacularização do autoritarismo que já dura cinco anos.

Faz-me lembrar os estertores do jacobinismo, com o qual, aliás, o lava-jatismo tem muitos pontos de contato, pois cada vez mais se evidencia como um projeto de poder, cuja concretização implicaria o estabelecimento de um estado policial

Este é só um ancião no seu ocaso

De resto, o primarismo das revanches é antípoda do discernimento político. Cabe à esquerda não embarcar em mais este show de autoritarismo rasteiro, como se tivesse desabado um titã e não um combalido ancião de 78 anos.

O momento não é de aplaudirmos uma demonstração inútil de força, mas sim o de quebrarmos o primeiro dos pés do tripé em que se assenta o bolsonarismo:

  • o combate à corrupção sob o máximo de holofotes (que sempre serviu para a acumulação da forças por parte da direita e jamais impediu que a corrupção retornasse adiante, pois é intrínseca ao capitalismo);
  • o moralismo rançoso de inspiração religiosa; e
  • o anticomunismo falacioso e exacerbado.
Celso Lungaretti, jornalista e escritor,  foi resistente à ditadura militar ainda secundarista e participou da Vanguarda Popular Revolucionária. Preso e processado, escreveu o livro Náufrago da Utopia (Geração Editorial). Tem um ativo blog com esse mesmo título.

Direto da Redação é um fórum de debates editado pelo jornalista Rui Martins.


Source : https://www.correiodobrasil.com.br/foi-demonstracao-de-fraqueza-nao-de-forca/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias