Ir para o conteúdo

Correio do Brasil

Voltar a CdB
Tela cheia Sugerir um artigo

Nave da Blue Origin volta ao espaço com turista de 90 anos

19 de Maio de 2024, 16:59 , por Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 30 vezes

O voo ocorreu conforme o planejado. O New Shepard decolou às 11h42 (horário de Brasília) e, pouco alguns minutos depois, houve a separação dos estágios. Às 11h50, o foguete retornou à Terra, seguido, após dois minutos, pela cápsula suportada por três grandes paraquedas.

Por Redação, com ACS/Blue Origin – de Huston, Texas

Passados quase dois anos, a Blue Origin voltou a lançar um voo de turismo espacial. O foguete New Shepard deixou a base no Texas, nos Estados Unidos, neste domingo (19). Na cápsula colocada no topo dele, viajaram seis pessoas, entre as quais um capitão aposentado da Força Aérea americana de 90 anos, que se tornou a pessoa mais velha a viajar para o espaço.

Ed Dwight, blue originO ex-capitão Ed Dwight foi um dos passageiros da Blue Origin, ao espaço

O voo ocorreu conforme o planejado. O New Shepard decolou às 11h42 (horário de Brasília) e, pouco alguns minutos depois, houve a separação dos estágios. Às 11h50, o foguete retornou à Terra, seguido, após dois minutos, pela cápsula suportada por três grandes paraquedas. Todos os passageiros estavam bem e deixaram a cápsula celebrando o voo.

Esta foi a missão de número 25 da companhia de Jeff Bezos, dono da Amazon, sendo a sétima tripulada. As outras seis em que havia pessoas a bordo, algumas como passageiras convidadas e outras como pagantes, se deram entre julho de 2021 e agosto de 2022. Delas participaram o próprio fundador da empresa, na estreia das viagens suborbitais, e o engenheiro de produção Victor Correa Hespanha, que se tornou, em maio de 2022, o primeiro turista espacial brasileiro e o segundo brasileiro a voar para o espaço —o primeiro foi Marcos Pontes, hoje senador.

Experiência

No voo deste domingo, a tripulação era formada por pessoas de diferentes perfis. Uma delas é Edward Dwight, 90. Nos anos 1960, ele foi escolhido para ser o primeiro astronauta negro a orbitar a Terra. Mais tarde, porém, acabou preterido, decisão que ele atribuiu a racismo.

— Um cara que não conseguiu voar para o espaço quando deveria, está indo aos 90, no final de sua carreira. Algumas pessoas pensam nisso como justiça. Mas não penso assim. Parece ser tarde demais para ser justiça. Minha filosofia é que tudo tem seu tempo e lugar — resumiu Dwight, em uma entrevista ao diário norte-americano The New York Times (NYT).

Logo após deixar a cápsula neste domingo (19), ele afirmou que precisava ter a chance de ir ao espaço um dia.

— Todo mundo precisa disso, é uma experiência transformadora — concluiu.


Fonte: https://www.correiodobrasil.com.br/nave-blue-origin-volta-espaco-turista-90-anos/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias