Ir para o conteúdo

Correio do Brasil

Voltar a CdB
Tela cheia Sugerir um artigo

Presidente do Quênia é reeleito em meio a protestos e tumultos

12 de Agosto de 2017, 21:11 , por Jornal Correio do Brasil - | No one following this article yet.
Visualizado 44 vezes

Kenyatta obteve 54,27% dos votos contra 44,74 de Raila Odinga, anunciou o chefe da comissão eleitoral do Quênia, Wafula Chebukati. O presidente reeleito é filho de Jomo Kenyatta, que lutou pela independência do país.

 

Por Redação, com agências internacionais – de Nairóbi

 

Atual presidente do país, Uhuru Kenyatta foi reeleito para um novo mandato de cinco anos, em meio a acusações da oposição de que o pleito foi fraudado. Os tumultos tomaram as principais cidades do país desde a noite passada e ao longo deste sábado.

Manifestante zune uma pedra em meio aos protestos em curso no Quênia

Manifestante zune uma pedra em meio aos protestos em curso no Quênia

Kenyatta obteve 54,27% dos votos contra 44,74 de Raila Odinga, anunciou o chefe da comissão eleitoral, Wafula Chebukati. O presidente reeleito é filho de Jomo Kenyatta, que lutou pela independência do país. Ele foi o primeiro presidente eleito. Violentas manifestações se seguiram ao anúncio em redutos do líder opositor, Odinga.

Correspondentes da agência francesa de notícias France Presse (AFP) reportaram saques a lojas e distúrbios na comunidade de Kibera, na capital queniana, enquanto em Kisumu (oeste), policiais efetuaram disparos para dispersar os manifestantes. Após o anúncio de sua vitória, Kenyatta subiu ao palanque do centro nacional de apuração. Ele agradeceu à nação pela “confiança depositada”.

Cor ou etnia

O vencedor prometeu “continuar com o trabalho que começamos e voltar a nos dedicar a servir a esta grande nação e ao nosso povo”. Kenyatta também dirigiu-se a Odinga, que rejeitou a votação, denunciando uma suposta fraude, e a seus partidários, e propôs a eles “trabalhar juntos […] para que possamos construir esta nação juntos”.

— Não somos inimigos. Todos somos cidadãos de uma República. Como em qualquer competição, sempre haverá vencedores e sempre perdedores, mas todos pertencemos à grande nação do Quênia. Deixem-nos ser pacíficos. Não há necessidade nenhuma de violência. Seu vizinho é seu vizinho, sem importar sua etnia, sua religião ou sua cor — concluiu.

A vitória de Kenyatta traz à tona o temor de uma nova onda de violência pós-eleitoral. Após o pleito de 2007, enfrentamentos entre membros dos diferentes grupos políticos terminaram com um balanço de 1.1 mil mortos.

O post Presidente do Quênia é reeleito em meio a protestos e tumultos apareceu primeiro em Jornal Correio do Brasil.


Fonte: http://www.correiodobrasil.com.br/presidente-do-quenia-reeleito-protestos-tumultos/

Rede Correio do Brasil

Mais Notícias